Professoras de SBC ensinam astronomia por meio da tecnologia

777 0

Texto: Humberto Domiciano – Fotos: Omar Matsumoto/PMSBC

Da Redação – Difundir o ensino da astronomia por meio da tecnologia é o ponto principal do trabalho desenvolvido pelas professoras Silvia Socorro Higa, Patricia Furlaneti Vizoni e Priscila Lobregat Takagui, da EMEB Professora Janete Mally Betti Simões, da rede municipal de São Bernardo.

O estímulo à observação do sistema solar e do funcionamento dos planetas gerou resultados expressivos e, em 2018, os alunos obtiveram 76 medalhas na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA). Atualmente, cerca de 1 mil alunos de 44 turmas participam das aulas, dos quais 800 estiveram na competição nacional.

A programação incluiu também a participação em um evento de lançamento de foguetes (MOBFOG), incluso na programação da OBA, que resultou em outras 47 medalhas para a escola.

Para a secretária de Educação, Silvia Donnini, a utilização de ferramentas eletrônicas enriquece o currículo aplicado. “Temos como ideia principal ter o aluno como protagonista do processo de aprendizagem. Quando observamos uma participação maior das crianças em projetos como esse de astronomia é um sinal de que o estímulo tem dado resultado”, explicou.

O prefeito Orlando Morando destacou a relevância de iniciativas ligadas ao uso da tecnologia. “Vivemos em um mundo totalmente conectado e a informática auxilia muito o processo educativo. Em São Bernardo damos ênfase a esse tipo de projeto”, comentou.

Entre as ferramentas utilizadas no laboratório de informática da unidade escolar, localizada no Baeta Neves, estão vídeos e animações, pesquisas e diversos softwares e programas, como o  Stellarium, Celestia, Google Earth, The sky live, Solar System Scope e Tux Paint.

Durante o processo, as professoras também apoiaram a adoção de processos de aprendizagem criativa, por meio da construção de protótipos utilizando diversos materiais, circuitos simples e motorização.

CRIATIVIDADE – Neste ano, o município recebeu a visita de dois pesquisadores do MIT Media Lab (Laboratório de Mídias do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, nos Estados Unidos) e também enviou seis professoras à 1ª Conferência Brasileira de Aprendizagem Criativa, em Curitiba, no Paraná. Desde janeiro de 2017, São Bernardo passou a oferecer estímulos ao ensino criativo e forneceu apoio aos projetos desenvolvidos pela rede.

Total 1 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Professoras de SBC ensinam astronomia por meio da tecnologia"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *