Vila de Paranapiacaba é opção de passeio no feriado da Páscoa

1338 0

parana_vila

Da Redação – Para quem permanecer na região no feriado da Páscoa, uma opção de passeio é a vila de Paranapiacaba. Localizada a cerca de 30 km do Centro de Santo André, a vila ferroviária construída por uma companhia inglesa no fim do século 19, e considerada patrimônio histórico nacional, oferece série de atividades relacionadas ao turismo cultural e ambiental.

Entre as atrações estão o Circuito Museológico na Parte Baixa, com o museu Funicular (acesso pela passarela, ingresso R$ 5,00), que resgata a história da Vila e da ferrovia, o CDARQ (Centro de Documentação de Arquitetura e Urbanismo), o Antigo Mercado (Rua Campos Salles, s/nº) e o Clube União Lyra Serrano (Avenida Antonio Olyntho, s/nº), onde eram realizados bailes e shows, entre outras atividades. Nestes locais, a entrada é gratuita. O horário de funcionamento no sábado e domingo, é das 10 às 16h.

Pq Nascentes por A Pedro net

Trilhas e o Caminho do Sal – O visitante pode ainda se aventurar pelas seis trilhas do Parque Natural Municipal Nascentes de Paranapiacaba em meio à Mata Atlântica. No local, encontram-se exemplares de cedros, bromélias e orquídeas, além da fauna silvestre, com sanhaços, beija-flores, pica-paus, tangarás e macucos, entre outros. Outra atração são as nascentes do Rio Grande, principal formador da Represa Billings, e que dão o nome à unidade de conservação. As trilhas só podem ser feitas com o acompanhamento de monitores credenciados pela Prefeitura de Santo André.

O parque dispõe ainda de um Centro de Visitantes (na Rua Direita, 371, tel. 11 4439-0321), que conta com uma exposição permanente que retrata parte da Mata Atlântica, com réplicas de plantas, animais e suas pegadas. Há ainda exposição de sementes, madeiras e ninhos de pássaros, um aquário com peixes da região, maquete da área do parque e banners com informações sobre a unidade de conservação. O horário de funcionamento do parque e do centro é no fim de semana será das 9 h às 16h.

Outra opção é o Caminho do Sal, antigo percurso da época colonial brasileira, que cortava a região para o transporte do sal. A atração para o público aficcionado em atividades relacionadas ao ecoturismo foi desenvolvida em parceria entre as prefeituras de Santo André, São Bernardo e Mogi das Cruzes. No total, o roteiro tem uma extensão de  53,5  km, entre São Bernardo, Paranapiacaba e Mogi das Cruzes.

O percurso pode ser feito em sua totalidade ou então percorrendo os diferentes trechos que o compõem: o Caminho do Zanzalá (16  km, entre São Bernardo do Campo e Santo André), o Caminho dos Carvoeiros (10  km, em Santo André) e o Caminho de Bento Ponteiro (27,5  km, entre Santo André e Mogi das Cruzes). Os trajetos podem ser percorridos a pé ou de bicicleta. Há sinalização turística, o que permite ao público perfazê-lo por conta própria. Mais informações podem ser obtidas no Centro de Informações Turísticas de Paranapiacaba, no Largo dos Padeiros, tel. 11 4439-0109.

Biblioteca restaurada por A Pedro

Restauros – Os restauros de imóveis são outra atração. Atualmente oito casas de alvenaria nas Ruas Nova e Campos Salles, encontram-se em restauro. Também estão em obras os galpões das oficinas de manutenção, do almoxarifado da antiga São Paulo Railway, da garagem das locomotivas, que abrigará a estação do Expresso Turístico que liga a estação da Luz a Paranapiacaba. A biblioteca da vila, instalada em uma antiga casa de engenheiro, foi a primeira obra de restauro concluída.

Estão previstos ainda restauros do campo de futebol do Serrano Athletic Club, clube de futebol da Vila fundado em 1903, um dos primeiros com medidas oficiais em todo o Brasil, que garantirá novos vestiários e arquibancadas; da sede da antiga Sociedade Recreativa Lyra da Serra, que resgatará a sala de cinema que funcionou no local no início do século XX, uma das primeiras em todo o Brasil; e de uma casa na região do Hospital Velho. As obras, que devem ser concluídas nos próximos três anos, contam com financiamento do governo federal, no total de R$ 41 milhões, por meio do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC) Cidades Históricas.

Para receber o turista, a Vila de Paranapiacaba dispõe ainda de serviços como hospedagem, alimentação e monitoria cultural e ambiental.

COMO CHEGAR – Para chegar à Vila de carro, o visitante deve seguir pela Via Anchieta até o Km 29 (placa para Ribeirão Pires), entrar na SP 148 (estrada Velha de Santos) até o Km 33 e pegar a Rodovia Índio Tibiriçá (SP 31) até o Km 45,5. Após, o motorista deve pegar a SP 122 até Paranapiacaba. Também é possível chegar de ônibus, ele sai do Tersa (Terminal Rodoviário de Santo André), localizado na Estação Prefeito Saladino (CPTM), ou da estação ferroviária de Rio Grande da Serra a cada hora (Viação Ribeirão Pires (11) 4828-9646).

Serviço – Parque Nascentes de Paranapiacaba: Centro de Visitantes – Rua Direita, 371 – (11) 4439-0321: funciona de terça-feira a domingo, das 9h às 16h. As visitas só podem ser realizadas com o acompanhamento de monitores cadastrados. Mais informações: Centro de Informações Turísticas – (11) 4439-0109 ou no site da Prefeitura de Santo André: http://www2.santoandre.sp.gov.br/index.php/paranapiacaba.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Vila de Paranapiacaba é opção de passeio no feriado da Páscoa"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *