Vendas de agosto provam a resiliência das concessionárias gaúchas

1335 0

Da Redação – Os dados de emplacamentos de veículos do mês de Agosto, mesmo diante das incertezas provocadas pela Pandemia, a decretação de semanas de total ou parcial suspensão das atividades em Porto Alegre e em outras importantes cidades gaúchas, as concessionárias de veículos gaúchas demonstram grande capacidade de resiliência e superação. Considerando, ainda, as severas restrições de funcionamento, conquistaram um crescimento geral de vendas de 5,86% em comparação ao obtido no mês anterior.

Destaca-se o desempenho do segmento de automóveis que apresentou uma elevação de 9,81% no volume de vendas sobre de Julho, quase o dobro do aumento de 5,27% registrado na média nacional. Resultado que permitiu elevar para 5,43% o peso da partição do Rio Grande do Sul nas vendas nacionais, recuperando o baixo desempenho de vendas de automóveis em Julho, mês em que o RS passou a deter apenas 4,2% da participação nacional.

Quanto aos demais segmentos, os resultados comparativos a Julho demonstram variações positivas e negativas que retratam flutuações naturais para um cenário composto por dois meses em que as empresas, em grande parte do tempo, foram submetidas às medidas de isolamento que impediram a abertura das suas lojas.

De qualquer forma, importante destacar o fato de que as lojas puderam, ainda que de forma parcial, voltar a operar por alguns dias, em Julho e Agosto, permitindo que as concessionárias apresentassem vendas, em média, 50% maiores das obtidas em Maio e Junho. Meses nos quais o rigoroso Lockdown imposto pelas autoridades ao comércio provocou grandes prejuízos às concessionárias.

Segundo dados apurados pela Fenabrave/ Sincodiv-RS, os emplacamentos de veículos 0 km, relativos à Agosto de 2020 na comparação com o mês anterior, mostram um crescimento de 5,86% no RS frente a 7,35% em todo o Brasil. Destacando-se entre os números comparativos por segmento, os resultados das Concessionárias de Ônibus que obtiveram vendas superiores às registradas em Agosto de 2019, e o das Concessionárias de Motos que realizaram vendas 13,55% superiores as de Julho.

Ao compararmos outros números gerais de Agosto de 2020 com Agosto de 2019, temos uma redução de 20,73% no RS e de 13,67% em nível nacional. Enquanto o número acumulado de emplacamentos ao longo de 2020 registra redução de 30,57% no RS e de 31,01% no Brasil, em relação ao mesmo período de 2019.

“O impacto das medidas restritivas mantidas até a segunda quinzena de agosto, acarretaram a necessidade das Concessionárias redimensionarem novamente suas operações, exigindo grande esforço das empresas para se adaptarem às alterações de regramento, ora de fechamento total, ora parcial das lojas. Portanto, devem ser exaltados os resultados positivos alcançados pelos nossos associados, principalmente pelo fato do nosso setor não ter recebido, ao longo dos quase seis meses de Pandemia, qualquer tipo de apoio, suporte ou subsídio oficial, seja do Estado ou Prefeituras, para enfrentar a crise econômica. Nossas expectativas para setembro, com a liberação da abertura das lojas e pelo arrefecimento da Pandemia, é concentrarmos esforços para recuperar o volume das vendas, e torcer para não mais gastarmos tanta energia e tempo com cansativas negociações com as autoridades de governo, angustiantes interpretações de decretos semanais e lamentáveis restrições ao trabalho, além das irritantes e inadministráveis mudanças de regras repentinas” afirma Paulo Siqueira, presidente Fenabrave/ Sincodiv-RS.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Vendas de agosto provam a resiliência das concessionárias gaúchas"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *