Sto André chega à marca de 100 mil vacinados contra Covid-19 no niver da cidade

27 0

Referência em imunização, cidade que completa 468 anos nesta quinta já aplicou mais de 135 mil doses de imunizantes

Texto: Caroline Terzi – Fotos: Angelo Baima/PSA

Da Redação – Nesta quinta-feira (8), dia em que completa 468 anos, a cidade de Santo André ultrapassou a marca de 100 mil pessoas vacinadas contra a Covid-19. A Prefeitura começou a imunização no dia 19 de janeiro e, desde então, tem se destacado como referência em agilidade e organização na aplicação de doses das vacinas.

Até o momento, a Prefeitura vacinou 100.422 pessoas, o que equivale a aproximadamente 14% da população da cidade. Foram ao todo 135.567 vacinas aplicadas, sendo 100.422 aplicações de primeira dose e 35.145 de segunda dose.

“Planejamento, gestão e um trabalho incansável das nossas equipes da Saúde para vacinarmos com rapidez eficiência e segurança. Santo André é destaque na imunização contra a Covid-19, graças à estrutura que implantamos, com quatro drive-thrus e outros postos avançados de vacinação. Além disso, unimos esforços na busca por mais doses, para avançar e ampliar a imunização da nossa gente”, pontuou o prefeito Paulo Serra.

Ismael Pereira, de 68 anos, foi o munícipe de número 100 mil a receber a vacina contra a Covid-19. Ele foi imunizado nesta quinta-feira, no drive-thru do Paço Municipal. “Estou muito feliz e tenho muito orgulho desta cidade em que nasci”, comemorou o morador do bairro Santa Teresinha. “Todos precisam tomar a vacina, é muito importante e eu não senti dor nenhuma. O coronavírus não é brincadeira, temos que tomar cuidado porque é coisa séria”, pontuou.

Santo André recebeu até agora 166.528 doses de vacinas, tanto da Coronavac, produzida pelo Instituto Butantan, quanto da Oxford/AstraZeneca, produzida pela Fiocruz.

A vacinação que teve início em 19 de janeiro, data em que a cidade recebeu o primeiro lote de Coronavac, beneficiou inicialmente profissionais de saúde que estavam na linha de frente de combate à Covid-19 nos hospitais de campanha, Centro Hospitalar Municipal (CHM), Hospital da Mulher, nas seis Unidades de Pronto Atendimento, além dos profissionais do Samu. As vacinas também foram distribuídas para o Hospital Estadual Mário Covas e para os hospitais privados do município.

Além desses profissionais, idosos a partir de 60 anos em instituições de longa permanência, pessoas com deficiência acima de 18 anos que estivessem em residência inclusiva, indígenas e quilombolas, também foram imunizados na primeira etapa da campanha.

Drive-thru – Santo André, que já tinha expertise de campanhas de vacinação e estrutura para viabilizar a imunização de forma rápida e eficaz, criou novas estratégias para imunizar a população contra a Covid-19 de maneira eficiente. Foram criados quatro pontos de vacinação em sistema drive-thru e um sistema de agendamento, para evitar aglomerações.

As estruturas foram montadas no Paço Municipal (Praça IV Centenário – Centro), na Craisa (acesso pelo portão 5, na rua Varsóvia), no Estádio Bruno Daniel (Rua 24 de Maio – Vila América) e no estacionamento do Grand Plaza Shopping (Avenida Industrial, 600, com acesso pelo portão do Centro Empresarial).

O primeiro público a ser vacinado por meio de sistema drive-thru foi de idosos com 90 anos ou mais. A campanha então foi ampliada para profissionais de Saúde com atuação em clínicas e consultórios particulares que atendessem aos critérios anunciados e fizessem parte de 14 categorias previstas no Plano Nacional de Imunização: assistentes sociais, biólogos, biomédicos, profissionais de educação física, enfermeiros, farmacêuticos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, médicos, veterinários, nutricionistas, odontólogos, psicólogos e terapeutas ocupacionais.

Na sequência, em etapas, conforme novas doses foram chegando a Santo André, foram sendo vacinados idosos com idade entre 85 e 89 anos, acima de 80 anos, com mais de 77 anos, 75 e 76 anos, 72 a 74 anos e 69 a 71 anos. 

Além dos drives, a Prefeitura também disponibilizou a vacinação em algumas unidades de saúde estrategicamente escolhidas, para atender o público que não tem carro. No caso de munícipes acamados, a vacina é aplicada em domicílio, com base no cadastro que cada paciente tem nas unidades de saúde.

Na atual etapa da campanha, Santo André está realizando a aplicação de primeira dose para munícipes com 68 anos e de segunda dose para idosos entre 72 e 74 anos, além de profissionais da Segurança. Na próxima segunda-feira (12) terá início a imunização de profissionais da área da Educação.

A imunização contra a Covid-19 é realizada segundo a disponibilidade das remessas de vacinas do Ministério da Saúde. À medida em que o Governo Federal viabiliza mais doses, novas etapas do cronograma e públicos-alvo da campanha de vacinação são divulgadas.

Agendamento – Para receber a vacina nos drives e nas unidades de saúde, é necessário realizar agendamento no site psa.santoandre.br/vacinacovid. A partir do cadastro são indicados local, data e horário para a vacinação.

Nos pontos de vacinação é obrigatório apresentar documento de identidade, CPF e comprovante de residência. Em casos de pacientes que estejam passando por tratamento oncológico, além dos documentos pessoais é necessário apresentar uma carta de liberação médica.

Solidariedade – Os drive-thrus de vacinação da cidade estão recebendo 1 kg de alimento não perecível como doação. A contribuição não é obrigatória, mas pode fazer diferença na vida de andreenses que passam por necessidade neste momento de crise.

A iniciativa é do Fundo Social de Solidariedade, presidido voluntariamente pela primeira-dama Ana Carolina Barreto Serra. Os alimentos irão para o Banco de Alimentos, que fará a entrega para as famílias de maior vulnerabilidade social da cidade. Os itens serão doados para mais de 110 entidades sociais cadastradas no município.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Sto André chega à marca de 100 mil vacinados contra Covid-19 no niver da cidade"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *