Scheidt reage, mas fica a uma posição da medal race em Hyères

246 0

Bicampeão olímpico sobe do 15º para o 11º lugar na classificação geral da flotilha ouro na Classe Laser. Apenas 13 pontos o tiraram da luta pelo pódio

Da Redação – Robert Scheidt ‘bateu na trave’ na Semana Olímpica de Vela da França. Nesta sexta-feira (3), o bicampeão olímpico encerrou sua participação na flotilha ouro em Hyères subindo para a 11ª colocação, a apenas uma posição da medal race, que será neste sábado (4). A competição francesa reuniu 69 barcos e faz parte da preparação do brasileiro visando a vaga na Classe Laser da equipe nacional que vai disputar a Olimpíada de Tóquio, em 2020.

“Tivemos um dia bem duro, com vento muito forte. Começou 18 nós na primeira regata, subiu para vinte e poucos na segunda e chegou a 25, beirando os 30 nós, na terceira. Fui bem nas duas provas iniciais, ficando em sexto e décimo lugares. Infelizmente, na última, dei uma escorregadinha e poderia ter velejado melhor. Por pouco não estou na medal race, que era o objetivo aqui em Hyères”, explicou o maior medalhista olímpico do Brasil, com cinco pódios, e que tem patrocínio do Banco do Brasil e Rolex e apoio do COB e CBVela.

Em sua segunda grande competição após mais de dois anos ausente na Classe Laser, Scheidt faz uma avaliação positiva da participação na França. “Foi um pena não disputar a medal race. O lado positivo é que cresci dentro da competição. Fui melhorando minha velejada, minhas largadas, que estavam um pouco problemáticas. Esse foi um campeonato que comecei meio ruim. Pequei nos dois primeiros dias, mas consegui melhorar. Passei bem perto do objetivo final e preciso melhorar mais. Falta pouco para velejar no top 10, bem pouco”, garantiu o atleta de 46 anos.

Com o sexto, décimo e 14º lugares desta sexta-feira, Robert subiu da 15ª para a 11ª colocação na classificação geral, com 95 pontos perdidos. Apenas 13 pontos separaram o brasileiro da medal race, já que o décimo colocado, o neozelandês Thomas Saunders, fechou a flotilha ouro com 82 pontos perdidos. Nesta sábado (4), Scheidt estará na água para a última regata do programa para os velejadores entre a 11ª e 35ª posição na tabela. A liderança continua com o australiano Matthew Wearn, com 14 pontos perdidos.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Scheidt reage, mas fica a uma posição da medal race em Hyères"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *