São Caetano realiza atividades especiais na Semana da Saúde Mental

187 0

Texto: Mark Ribeiro (PMSCS)

Da Redação – Ansiedade, estresse, depressão. Cada vez mais a atenção da comunidade médica mundial se volta para as doenças emocionais.

E mais ainda em São Caetano do Sul, referência no acolhimento aos pacientes. Dentro dessa estratégia, a Prefeitura realiza, de quinta a terça-feira (16 a 21/5), a Semana da Saúde Mental, com uma série de atividades que visam a conscientizar sobre o tema.

Palestras, rodas de conversa, sarau, dança, caminhada, exames preventivos e feira de economia solidária, entre outras ações, integram a programação especial. Serão abordados temas como o papel da medicação, a importância da família na vida do paciente e o estigma da loucura (ver programação completa abaixo).

“A Semana da Saúde Mental joga luz em assuntos estigmatizados pela sociedade. Hoje os transtornos psiquiátricos são um problema sério de saúde pública. Por isso é fundamental atuarmos no cuidado e na prevenção”, afirma a coordenadora da Saúde Mental de São Caetano, Flávia Ismael.

Os transtornos mentais interferem no  trabalho, em casa, nos relacionamentos e, consequentemente, na qualidade de vida. Procurar ajuda é o único caminho para o bem-estar.

Em São Caetano, o acolhimento é individualizado. São aproximadamente 6 mil atendimentos por mês na rede de Saúde Mental, formada principalmente pelo Caps (Centro de Atenção Psicossocial) Dr. Ruy Penteado; Caps AD (Álcool e Drogas) Jordano Pedro Segundo Vincenzi; e o pronto socorro psiquiátrico, além de equipes que atendem em diversas outras unidades, incluindo os hospitais municipais.

Ao todo, a equipe multidisciplinar é formada por 22 psiquiatras, 27 psicólogos, cinco terapeutas ocupacionais, duas psicopedagogas, cinco enfermeiros, quatro auxiliares de enfermagem, seis assistentes sociais e três oficineiros.

ATENDIMENTOS

O Caps realiza atendimentos de livre demanda (sem necessidade de encaminhamento) para munícipes maiores de 18 anos. Atende transtornos não relacionados ao uso de álcool ou drogas (esses casos são encaminhados ao Caps AD). Funciona na Rua dos Castores, 60, Bairro Mauá, de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, inclusive com a farmácia de psicotrópicos.

Já o Caps AD, além de álcool e drogas, também oferece tratamento a pessoas que querem largar o tabagismo; que são dependentes de medicações benzodiazepínicas; e compulsivas por jogos, compras, sexo e alimentos, entre outros transtornos. Funciona na Rua Santo Antônio, 117, Centro, de segunda a sexta-feira, das 7h às 16h.

Confira a programação de atividades na Semana da Saúde Mental:

16/5, às 10h, no Cise João Castaldelli – Palestra: Qual o papel da medicação na minha vida?, com Flávia Ismael.

16/5, às 15h, no Hospital Municipal Maria Braido – Roda de Conversa: A importância da família na saúde mental do paciente internado, com Adriana Navarro e Beatriz Abrahão.

17/5, das 10h às 15h, no Caps – Sarau.

17/5, às 10h30, no Caps – Roda de Conversa: Estigma da Loucura; confecção de mandala coletiva; dança circular; e Feira Incluarte (Economia Solidária).

20/5, às 9h30, no Caps AD – Caminhada

20/5, às 10h30, na Praça Cardeal Arcoverde – Atividade de Mindfulness (Atenção Plena).

20/5, às 10h30, no Caps AD – Exames preventivos de pressão arterial e diabetes.

20/5, às 13h30, no Caps AD – Roda de Conversa: Diversidade e Saúde Mental.

20/5, das 11h às 15h, no Caps AD – Feira Incluarte (Economia Solidária).

21/5, às 8h, na Unidade de Saúde da Criança e do Adolescente (USCA) Amabili Moretto Furlan – Roda de Conversa: A importância do vínculo pais-filhos e qualidade do tempo. Circuito de brincadeiras e música.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "São Caetano realiza atividades especiais na Semana da Saúde Mental"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *