São Caetano formaliza convênio com Hospital Sírio-Libanês

990 0

Da Redação – O prefeito de São Caetano, Paulo Pinheiro, e o superintendente de Estratégia Corporativa do Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Sírio-Libanês, Paulo Chapchap, formalizaram, nesta terça-feira (26), um convênio de cooperação técnica e acadêmica entre a Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS) e a instituição para a formação de novos médicos.

A iniciativa ofertará o primeiro curso de graduação – Medicina – da USCS na Capital. Também participaram do ato o reitor da Universidade, Marcos Sidnei Bassi, o assessor especial de gabinete, Mario Ronaldo Chekin, e o superintendente de Ensino do Sírio-Libanês, Roberto de Queiroz Padilha.

Na ocasião, Paulo Pinheiro observou que o Hospital Sírio-Libanês é referência em saúde privada na América Latina. “Buscamos o aperfeiçoamento da rede municipal. Em um momento em que a saúde no País passa por momentos de dificuldade, mais uma vez, São Caetano sai na frente para tornar, de fato, referência neste setor, trazendo para nossa cidade o que há de mais moderno em estudos e em técnicas de medicina”, comemorou o chefe do Executivo.

“Somos pioneiros e avançaremos ainda mais no atendimento à população sulsancaetanense. Em meu governo, após tratativas com os ministérios da Educação e da Saúde, já trouxemos o curso de Medicina para a USCS. Na prática, essa conquista significa que estamos transformando São Caetano na cidade da Saúde, com o trinômio infraestrutura, agilidade e eficiência. Aumenta o número e a formação de médicos, melhora o atendimento”, exemplificou.

“É assim que governamos São Caetano, para que nossos moradores estejam cada vez mais saudáveis e ativos, atuando fortemente na medicina preventiva, na tecnologia e no atendimento humanizado. Trabalho responsável e alicerçado no respeito à população. Agora, contaremos com o apoio desta mais importante instituição. E uma meta já está traçada por mim: queremos trazer para o atendimento municipal em São Caetano a eficiência do Sírio-Libanês.”

Chapchap reafirmou que o compromisso da instituição é apoiar a formação médica. “Somos um centro de referência internacional em saúde. Isso inclui os mais de 120 mil pacientes? atendidos anualmente em nossas instalações e também cidadãos que se beneficiam da cooperação público-p?rivada?, dos projetos de apoio ao Sistema Único de Saúde (SUS) e do conhecimento médico disseminado em nossos programas de formação. Para isso, temos conjunto dos melhores especialistas do Brasil”, concluiu o superintendente.

Vestibular – O curso será oferecido, exclusivamente, no campus São Paulo da USCS (Rua Treze de Maio, 671), marcando o início nas novas instalações. Serão oferecidas 120 vagas e a duração é de 12 semestres. O corpo docente terá, entre seus integrantes, médicos do Hospital Sírio-Libanês. Outra novidade é a rede hospitalar utilizada para atividades externas essenciais ao curso, também composta por unidades administradas pelo próprio Sírio-Libanês.

A Universidade e o Hospital Sírio-Libanês buscam somar esforços para uma atuação colaborativa na concepção, formatação e implementação de um curso de Medicina inovador, além da capacitação docente e formação de professores da área, envolvendo a cooperação técnica, científica, cultural e material.

As inscrições estarão abertas até as 16h do dia 5 de fevereiro. A prova acontece em 20 de fevereiro, com resultado previsto para 7 de março. O início das aulas está programado para o dia 14 de março. O edital e a ficha de inscrição estão disponíveis nos sites www.uscs.edu.br e www.vunesp.com.br.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "São Caetano formaliza convênio com Hospital Sírio-Libanês"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *