São Bernardo comemora os 73 anos de sua emancipação

105 0

Da Redação – O dia 30 de novembro é uma data muito importante para a história de São Bernardo. Há 73 anos, sob a liderança de Wallace Cochrane Simonsen, que, posteriormente se tornaria seu primeiro prefeito, a cidade ganhava a sua emancipação de Santo André e o denominativo “do Campo” para se diferenciar do antigo município que englobava os distritos que hoje são as demais cidades do Grande ABC.

Essa data foi celebrada na manhã desta quinta-feira, na Câmara de Cultura Antonino Assumpção, localizada na rua Marechal Deodoro, 1325, no Centro. Esse edifício, tombado pelo Conselho Municipal do Patrimônio Histórico e Cultural de São Bernardo (COMPAHC-SBC), é onde foi instaurada a primeira Prefeitura. O ato contou com a presença do prefeito Orlando Morando, do secretário de Cultura, Adalberto Guazzelli, do jornalista e historiador Ademir Médici, da dona Irma Ascêncio Villa, mãe do historiador Marco Antonio Villa, demais autoridades, vereadores e munícipes.

O chefe do Executivo ressaltou a importância da data. “Trata-se de um momento único da história de São Bernardo, quando nossa cidade volta a ter a sua autonomia. Não é à toa que hoje, é a maior cidade da região, a quarta maior do Estado, atrás da Capital, Campinas e Guarulhos, e também a quarta maior na arrecadação. E um símbolo da indústria automobilística”, afirmou.

Durante o ato, o prefeito também lembrou da visita à Praça Lauro Gomes, no Centro, há um ano, à pedido do jornalista e historiador Ademir Médici, que solicitou uma imagem ao então prefeito eleito ao lado do busto de Wallace Simonsen. “Fiquei completamente chocado com o estado do espaço, tomado por ambulantes. Ao assumir a gestão, fiz questão de corrigir o que considerava errado”, disse o chefe do Executivo, que anunciou a reinauguração da praça, símbolo da cidade, em dezembro.

“Vamos devolver esta praça para os moradores de São Bernardo totalmente restaurada, com novos banheiros, guarita da GCM, Wi-Fi gratuito, um painel com a história de São Bernardo e a tradicional fonte Princesa Isabel funcionando e iluminada. Estou feliz por conseguir, como prefeito, retomar a preservação do patrimônio histórico e cultural de nossa cidade”, complementou.

O secretário de Cultura, Adalberto Guazzelli, enfatizou as ações dessa gestão em prol da recuperação da Cultura em São Bernardo. “Estamos fazendo um esforço para valorizar o que é tradicional em nossa cidade e foi esquecido. Vamos fazer o que estiver em nosso alcance para valorizar o nosso patrimônio cultural e artístico”, disse.

Para quem quer conhecer um pouco mais sobre a história da emancipação de nossa cidade, a Secretaria de Cultura, por meio da Seção de Pesquisa e Documentação (Memória), preparou a mostra “Emancipação de São Bernardo do Campo: uma retrospectiva”, que, especialmente hoje foi transferida para a Câmara de Cultura Antonino Assumpção, mas que voltará para a biblioteca Érico Veríssimo, na Rua Jacó do Bandolim, 81, no bairro Paulicéia, até o fim de dezembro.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "São Bernardo comemora os 73 anos de sua emancipação"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *