Santo André e Sabesp anunciam obras para ampliar abastecimento

216 0

Trabalhos para melhorar o fornecimento de água à população começam já em 20 de agosto, beneficiando diretamente 400 mil moradores do município

Fotos: Helber Aggio (PMSA)

Da Redação – A Prefeitura de Santo André e a Sabesp anunciaram nesta quinta-feira (15) o início das obras que vão melhorar o abastecimento da população do município, pondo fim à falta d’água que afeta regiões da cidade e ampliando a distribuição de água. As obras anunciadas terão investimentos de R$ 21 milhões e vão atender bairros dos setores Erasmo Assunção, Camilópolis e Parque América, entre outros, beneficiando diretamente 400 mil moradores.

“A cidade vai dar um salto nessa questão da água, o morador vai ter água na torneira e de qualidade. Vamos de maneira definitiva acabar com essa história do caminhão-pipa. A previsão é que todo o problema de abastecimento da cidade seja resolvido até dezembro. E em seguida, o tratamento de esgoto. Em seis anos a cidade terá 100% do esgoto tratado. Vamos sair dos 40% para 100%, um índice fundamental para construirmos a cidade que todos desejam”, destacou o prefeito Paulo Serra.

Parte dos trabalhos terá início já em 20 de agosto, com a duplicação da adutora de 600 mm que abastece o setor Erasmo Assunção. A obra vai trazer maior segurança operacional de abastecimento ao município e eliminará as ocorrências de falta d’água na região e setor atendido pela reservação Erasmo. A previsão é que os trabalhos sejam concluídos em novembro, atendendo 160 mil pessoas dos bairros Parque Erasmo Assunção, Jardim Alzira Franco, Parque Capuava, Jardim Santo Alberto, Parque Novo Oratório, Jardim Ana Maria, Parque Oratório e Jardim Monte Líbano.

Começam no dia 24 de agosto melhorias no sistema Rio Grande com instalações de válvulas próximas à Estação de Tratamento de Água para melhorar o abastecimento de Santo André.

“Estamos lançando a primeira etapa de obras que vão acabar com a falta d’água em Santo André. Isso é uma prioridade. As outras etapas estão sendo estudadas para vermos as que geram maiores impactos com relação à solução para acabar com a falta d’água até dezembro. Atendendo a um pedido especial do prefeito Paulo Serra, vamos resolver o problema da falta d’água até o Natal”, destacou o superintendente da Unidade de Negócio Centro da Sabesp, Roberval Tavares de Souza.

Já no Parque América, a Companhia vai implantar novas redes de água próximo à divisa com Rio Grande da Serra, beneficiando cerca de 4 mil pessoas da região. Esse trabalho vai pôr fim ao abastecimento que hoje é feito com caminhões-pipa, levando água às torneiras das casas. A execução da obra começará em 27 de agosto e estará concluída até o final de dezembro de 2019.

A Sabesp também vai fazer a partir de 3 de setembro a interligação da adutora de 1.500 mm no Camilópolis, inclusive com obras de adequação do sistema Rio Claro que serão executadas em São Paulo. Com previsão de término em outubro, o empreendimento é necessário para ampliar a capacidade de fornecimento de água ao município, dando mais segurança hídrica a uma população de cerca de 240 mil moradores.

O anúncio das obras acontece duas semanas depois da assinatura de contrato de programa da Sabesp com a prefeitura de Santo André, pelo qual a Companhia assumiu os serviços de água e esgoto do município. O contrato por 40 anos prevê que o investimento da Sabesp em Santo André será de cerca de R$ 917 milhões durante o período. O município também vai receber da Companhia recursos transferidos ao Fundo Municipal de Saneamento (FMSA) num total de R$ 622 milhões, o que eleva o investimento para R$ 1,539 bilhão.

A Sabesp também realizará obras que vão elevar o tratamento de esgoto do município dos atuais 42% para 75% em três anos. Esse trabalho vai melhorar as condições de córregos como Guarará e Carapetuba, levando mais qualidade de vida para a região. A Sabesp prevê a redução de perdas de 45% para 35% até 2022, economizando 2 bilhões de litros de água, volume que equivale ao abastecimento de 10 mil imóveis. O investimento no combate a perdas será de R$ 44 milhões.

Atendimento – A partir de 11 de setembro, o atendimento ao usuário de Santo André passará a ser realizado diretamente pela Sabesp. “Para solução de problemas de água e esgoto o usuário deverá ligar no 195, da Sabesp”, afirmou Roberval Tavares de Souza. O telefone 115, do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) continuará a atender as solicitações de resíduos sólidos, drenagem e gestão ambiental.

Os cinco postos de atendimento do Semasa também passarão a ser compartilhados com a Sabesp, com a equipe da companhia estadual atendendo as demandas de água e esgoto. A conta de saneamento também passará a ser emitida pela Sabesp a partir do dia 11 de setembro.

Por meio do acordo firmado com a Sabesp, que solucionou a questão da dívida que a cidade tinha com a companhia estadual, o Semasa se fortalece à frente dos demais serviços que envolvem o saneamento ambiental da cidade. Entre as atividades estão coleta de resíduos sólidos, varrição, drenagem, educação ambiental e gestão ambiental, com o licenciamento de atividades e fiscalização de ruídos e descartes irregulares, por exemplo. A autarquia municipal vai receber 4% do faturamento de água e esgoto arrecadado pela Sabesp.


Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Santo André e Sabesp anunciam obras para ampliar abastecimento"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *