Santo André quer zerar fila por consultas oftalmológicas na Pediatria

410 0

Texto: Rafaela Mazarin – Crédito-foto: Alex Cavanha (PMSA)

Da Redação – A Secretaria de Saúde de Santo André, em parceria com a Faculdade de Medicina do ABC, iniciou na última semana mais uma força-tarefa do programa Saúde Fila Zero. Com a iniciativa, a Prefeitura vai zerar até o início do ano que vem a fila de 1,6 mil crianças que aguardam por consultas oftalmológicas pediátricas desde 2016.

Os atendimentos estão sendo realizados no Instituto de Olhos da Faculdade de Medicina do ABC. As crianças passam por triagem, verificação geral da saúde ocular e são encaminhadas para o setor de refração, de onde já saem com a receita dos óculos, ou se for necessário, são encaminhadas para rede de atenção básica para acompanhamento.

A dona de casa Helena Ximenes Ferreira, de 24 anos, participou da atividade acompanhando o filho Samuel, de 5 anos, e ficou satisfeita com a organização. “Eu achei muito legal a forma que esse mutirão foi organizado. Por ter só crianças ele se sentiu encorajado, não teve medo de fazer o procedimento porque já viu os outros fazendo e viu que deu tudo certo”, elogiou a moradora do Jardim Guarará.

Além dos 1,6 mil atendimentos em oftalmopediatria, serão realizados cerca 1,2 mil atendimentos de adultos para diagnóstico e tratamento na área de mapeamento de retina. Os pacientes foram previamente agendados respeitando a ordem cronológica da fila.

“Mais uma força-tarefa que realizamos para zerar a fila de espera por exames e consultas em Oftalmologia adulto e pediátrica, de pacientes que aguardavam desde 2016 por atendimento. Já normalizamos os atendimentos em outras especialidades, como dermatologia, neurologia adulto e infantil e também endocrinologia. Uma grande mobilização para garantir atendimento ágil, de qualidade e humanizado a quem mais precisa, em linha com o novo padrão do Qualisaúde”, comemora o prefeito Paulo Serra.

Histórico – O Programa Saúde Fila Zero foi lançado em 2017 com objetivo de zerar a fila de espera por consultas, exames e melhorar o fluxo de atendimento das demandas na área da Saúde. Em 2018, foram realizados mais de 400 mil procedimentos entre ultrassom, coleta de sangue, parasitológico e urina, consultas com dermatologista, neurologista adulto e pediátrico, endocrinologista e oftalmologista.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Santo André quer zerar fila por consultas oftalmológicas na Pediatria"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *