Ricardo Maurício ousa na estratégia e vence 2ª prova do ano na Stock Car

44 0

Piloto foi arrojado na na estratégia para superar o pole position Guilherme Salas; Piloto vence a segunda prova do ano e já é o vice-líder

Da Redação – Sábado ensolarado e de bastante calor em Goiânia para a realização da décima etapa da temporada 2020 da Stock Car, a primeira de duas que serão realizadas neste final de semana na capital de Goiás. O dia começou com Guilherme Salas conquistando sua primeira pole position na categoria, confirmando a evolução no ritmo da equipe KTF depois de ter anotado dois segundos lugares nas etapas anteriores em Curitiba (PR).

Entretanto, a experiência falou mais alto e o bicampeão Ricardo Maurício tomou o que seria a primeira vitória do atual campeão da Stock Light. Largando em quinto, o piloto da Eurofarma-RC soube aproveitar bem a estadia do carro de segurança na pista para economizar o máximo possível de combustível. Na abertura da janela de pit stops, ainda na oitava volta, foi um dos primeiros a fazer sua parada para abastecimento e troca de pneu obrigatórias.

Salas parou duas voltas depois, e quando voltou, Ricardo Maurício já estava à sua frente, e controlou a vantagem de cerca de dois segundos que tinha sobre o oponente. Daniel Serra, companheiro de Maurício na Eurofarma-RC, completou o pódio em terceiro, com Diego Nunes e Gabriel Casagrande fechando os cinco primeiros, todos equipados com o Chevrolet Cruze.

O melhor Toyota foi o Corolla de Bruno Baptista, sexto colocado. Atrás dele, uma briga que durou toda a segunda metade da corrida, com Allam Khodair, Gaetano di Mauro e Rubens Barrichello. Di Mauro conquistou o sétimo lugar sobre o campeão de 2014 praticamente na linha de chegada.

Thiago Camilo, mesmo com o carro avariado, marcou pontos importantes para se manter na liderança do campeonato: ele agora soma 233 pontos, dez a mais que o novo vice-líder Ricardo Maurício. Daniel Serra também subiu e foi para terceiro com 212, contra 208 de Barrichello e 198 de Ricardo Zonta, que caiu da vice-liderança para o quinto lugar na tabela.

O domingo (22) ainda reserva muitas emoções no Autódromo Internacional Ayrton Senna: a décima etapa tem a classificação às nove horas para definição do grid e às 11 horas começa a disputa da 11ª etapa em sistema de rodada dupla. Classificação e corridas têm transmissão ao vivo do  SporTV2.

A FRAS-LE e a FREMAX são as fornecedoras oficiais de pastilhas e discos de freio da categoria, respectivamente, e trabalham em conjunto com as todas as equipes do grid para assegurar o melhor desempenho, segurança, eficiência e confiabilidade. A Fremax é a fornecedora dos discos desde 2004 e a Fras-le, desde 2016.

Fala, piloto!
“Foi diferente. Tudo aqui encaixou muito bem. O carro tinha um bom rendimento na classificação e na corrida se mostrou muito confiável. Arriscamos na estratégia e houve uma certa tensão ali no final, quando não sabíamos bem ao certo se teríamos combustível para terminar a corrida, e ali tive que fazer um trabalho intenso de economia de gasolina, tirando o pé bem antes do normal nas curvas e frear um pouco mais adiante do normal. Funcionou muito bem e no fim deu tudo certo”.
(Ricardo Maurício, Eurofarma-RC, Chevrolet Cruze #90)
Vencedor da 10ª etapa da Stock Car 2020

A pista de Goiânia na ótica da FRAS-LE & FREMAX
“Com uma reta bastante longa, de mil metros, Goiânia traz alguns pontos de bastante exigência com os freios, como nas curvas 1, 2, 5 e 7, em que o piloto aplica uma pressão próxima de 100 quilos sobre o pedal do freio, sempre reduzindo as velocidades em mais de 100 km/h dentro de pouquíssimos metros. Além disso, as temperaturas, tanto ambiente como da pista, são historicamente altas e o circuito promove muita competitividade, com os carros andando muito próximos o tempo todo, o que representa uma restrição na refrigeração dos freios. É um traçado de média para alta velocidade, com poucos pontos de baixa velocidade”.
(André Brezolin, engenheiro de projeto FRAS-LE & FREMAX)

RESULTADO DA 10ª ETAPA
1. 90 Ricardo Maurício (Eurofarma-RC/Chevrolet Cruze) – 26 voltas
2. 85 Guilherme Salas (KFT Sports/Chevrolet Cruze) – a 1s938
3. 29 Daniel Serra (Eurofarma-RC/Chevrolet Cruze) – a 7s280
4. 70 Diego Nunes (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze) – a 8s413
5. 83 Gabriel Casagrande (R.Mattheis/Chevrolet Cruze) – a 11s314
6. 44 Bruno Baptista (RCM Motorsport/Toyota Corolla) – a 12s972
7. 18 Allam Khodair (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze) – a 17s225
8. 11 Gaetano di Mauro (KTF Sports/Chevrolet Cruze) – a 17s729
9. 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports/Toyota Corolla) – a 17s812
10. Thiago Camilo (Ipiranga Racing/Toyota Corolla) – a 22s602
11. 5 Denis Navarro (Cavaleiro Sports/Chevrolet Cruze) – a 22s833
12. 117 Matías Rossi (Full Time Sports/Toyota Corolla) – a 23s155
13. 30 Cesar Ramos (Ipiranga Racing/Toyota Corolla) – a 23s468
14. 4 Julio Campos (Crown Racing/Chevrolet Cruze) – a 26s562
15. 8 Rafael Suzuki (Full Time Bassani/Toyota Corolla) – a 26s685
16. 51 Átila Abreu (Shell V-Power/Chevrolet Cruze) – a 28s561
17. 43 Pedro Cardoso (R.Mattheis/Chevrolet Cruze) – a 29s497
18. 33 Nelson Piquet Jr. (Full Time Bassani/Toyota Corolla) – a 36s041
19. 54 Tuca Antoniazi (Hot Car Competições/Chevrolet Cruze) – a 2 voltas
Não completaram
20. 28 Galid Osman (Shell V-Power/Chevrolet Cruze) – a 8 voltas
21. 12 Lucas Foresti (Vogel Motorsport/Chevrolet Cruze) – a 14 voltas
22. 10 Ricardo Zonta (RCM Motorsport/Toyota Corolla) – a 25 voltas
23. 0 Cacá Bueno (Crown Racing/Chevrolet Cruze) – a 26 voltas
24. 80 Marcos Gomes (Cavaleiro Sports/Chevrolet Cruze) – a 26 voltas
Volta mais rápida: Ricardo Maurício, 1min28s189 (média de 156,5 km/h)

Vencedores até o momento na temporada:
Goiânia: 
Ricardo Zonta e Rubens Barrichello
São Paulo: Nelsinho Piquet e Ricardo Zonta
Londrina: Rafael Suzuki e Ricardo Maurício
Cascavel: Thiago Camilo, Bruno Baptista e Daniel Serra
Mogi Guaçu: Julio Campos e Diego Nunes
Curitiba: Thiago Camilo e Gabriel Casagrande
Goiânia: Ricardo Maurício

Classificação do campeonato, após 10 etapas (Top-10):
1º – Thiago Camilo – 233 pontos
2º – Ricardo Maurício – 223
3º – Daniel Serra – 2124º – Rubens Barrichello – 208
5º – Ricardo Zonta – 198
6º – Cesar Ramos – 198
7º – Gabriel Casagrande – 192
8º – Allam Khodair – 171
9º – Guilherme Salas – 160
10º – Diego Nunes – 159

PROGRAMAÇÃO DA 11ª ETAPA
Domingo, 8 de novembro
09h00 – 09h35: Classificatório 11ª etapa
11h00: Largada Corrida 1 da 11ª etapa (30min+1volta)
11h55: Largada Corrida 2 da 11ª etapa (30min+1volta)
Classificação e corridas com transmissão ao vivo pelo SporTV2

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Ricardo Maurício ousa na estratégia e vence 2ª prova do ano na Stock Car"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *