Ribeirão Pires busca alternativa para manutenção da sede do CRI

33 0

Da Redação – A Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires, por meio da Secretaria de Assistência Social e Cidadania (Sasc), efetuou vistoria da sede do Centro de Referência do Idoso (CRI), localizado à Rua Alferes Botacin, 171 – Núcleo Colonial, onde estão instalados há 18 anos.

Recentemente, através das redes sociais, o CRI divulgou a realização de uma vaquinha virtual para arrecadação de verba para manutenção do telhado do imóvel, cuja meta é de R$ 60 mil.

Como o convênio estabelecido com a entidade não prevê a destinação de verba para manutenções de grande porte no imóvel, o titular da Pasta, Leonardo Biazi, apontou a necessidade de ação emergencial para busca de parcerias com empresas da construção civil da região ou emenda parlamentar para a recuperação do telhado do imóvel, assim como demais intervenções estruturais para conter as rachaduras em decorrência da ação do tempo e proximidade com a linha do trem.

Atualmente, o CRI funciona como Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, atendendo, aproximadamente, 800 idosos a partir dos 50 anos, de segunda a sexta-feira, com as seguintes atividades: Hatha Yoga, Ginástica, Alongamento, Cantoterapia, Violão, Dança de Salão, Dança Cigana, Ritmo, Smartphone entre outras.

“Acreditamos que essa abertura do poder público em tentar encontrar alternativas para o problema estrutural da nossa sede é fundamental para que consigamos atingir nossa meta e continuar prestando, com qualidade, atendimento aos idosos”, disse a presidente do CRI, Maria Helena Jadão.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Ribeirão Pires busca alternativa para manutenção da sede do CRI"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *