PSDB diz que manobra com pedaladas fiscais não isenta Dilma do crime de responsabilidade

1083 1

Da Redação – O deputado Caio Narcio (PSDB/MG) alertou nesta terça-feira (29) para os riscos que a já desgastada economia do país corre com as atitudes da presidente Dilma. O tucano considerou improvisada e reativa a decisão do Planalto de quitar as dívidas decorrentes das chamadas pedaladas fiscais, com o intuito único de enfraquecer o processo de impeachment contra a petista.

“A verdade é que esses empréstimos, pela maneira como foram feitos, são ilegais. A forma que o governo quer quitar esses empréstimos também é questionável e o que nós temos é uma grande preocupação”, alertou Caio. Segundo ele, o governo continua tomando decisões de forma improvisada e reativa, priorizando sempre suas vontades partidárias e não pensando no Brasil.

O governo quer zerar as pedaladas até o último dia do ano para tentar se livrar de uma das principais acusações do processo de impedimento de Dilma, que é o crime de responsabilidade por ter feito empréstimos de bancos públicos e do FGTS sem autorização legal. O novo ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, garantiu à presidente que será possível pagar essas dívidas e fechar o ano dentro do limite máximo de déficit fiscal previsto no Orçamento aprovado pelo Congresso.

Caio Narcio alerta que esse “jeitinho” encontrado pelo governo poderá gerar ainda mais descompasso à economia.  O tucano questiona a origem do dinheiro para quitar os empréstimos e afirma que será preciso maquiar ainda mais as contas públicas. Antes de anunciar essa decisão, o governo conseguiu fazer com que o Congresso alterasse a meta fiscal para permitir um déficit bilionário. Somando as manobras para pagar as pedaladas, que chegam a R$ 57 bilhões, e o déficit fiscal (que fechará o ano acima de R$ 50 bilhões) o governo poderá ter um rombo final no ano de R$ 108,8 bilhões, segundo prevê a Lei Orçamentária. Dessa forma, o déficit ficará dentro do total estipulado.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

1 comentário on "PSDB diz que manobra com pedaladas fiscais não isenta Dilma do crime de responsabilidade"

  1. JORGE ALMADA

    É presidenta Dilma , administrar as finanças de um País não é tão simples como administrar uma Lojinha de 1,99 em que se vai ao banco e o gerente libera empréstimos. Lembre-se que existe leis constitucionais que punem as chamadas ” pedaladas fiscais” e os maus administradores com IMPEACHMENT.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *