Presidente da Nextel admite na CPI das Telecomunicações que serviço precisa ser melhorado

506 0

Da Redação – O presidente da empresa Nextel no Brasil, Francisco Valim, esteve na Assembleia Legislativa de São, nesta quarta-feira (11), para participar da reunião da Comissão Parlamentar de Inquérito das Empresas de Telecomunicações, presidida pelo deputado Orlando Morando (PSDB). Em pauta o número de reclamações do Procon, entretanto, a Nextel é a última do ranking das operadoras, mas é a que tem o menor número de clientes.

“De todas as operadoras foi a que pelo menos reconheceu que o serviço precisa ser melhorado. E foi importante o compromisso que o presidente firmou de discutir um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta), juntamente com o Ministério Público, para que diminua o número de reclamação nos próximos seis meses”, disse o deputado Orlando Morando, presidente da CPI.

Na oitiva, foi feito um apontamento grave, uma vez que, a Nextel não tem rede própria do serviço, mas vende em todo o Estado. Além disso, o presidente da Nextel trouxe uma afirmação importante, na qual a CPI das Telecomunicações vai usar o núcleo de estratégia da Alesp para fazer diligências, não apenas dessa operadora, mas de todas as outras para saber se os postos estão aptos a vender linhas, cancelar linhas e planos e reclamações de clientes.

A CPI investiga as causas do grande número de reclamações dirigidas aos órgãos de defesa do consumidor envolvendo os serviços de telefonia fixa, móvel, internet e televisão por assinatura no Estado de São Paulo. “Estamos terminando a fase de ouvir as operadoras e buscar conclusão do relatório, visando apontamento do porquê os serviços são muito ruins”, concluiu o presidente deputado Orlando Morando.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Presidente da Nextel admite na CPI das Telecomunicações que serviço precisa ser melhorado"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *