Poupatempo faz 18 anos e passa a ter serviços pela internet

1158 0

Da Redação – O Programa Poupatempo, criado para desburocratizar a vida dos cidadãos que precisam de serviços públicos em São Paulo, completou 18 anos nesta terça (20), com 460 milhões de atendimentos já realizados. O número representa mais de duas vezes a população brasileira, estimada em 204,8 milhões de habitantes.

Após dobrar de tamanho desde o início do ano passado, o programa entra agora em uma nova fase que terá como prioridade os serviços eletrônicos prestados pela internet ou aplicativos para celulares, além de terminais de autoatendimento e outras novidades tecnológicas que permitem facilitar ainda mais a vida dos cidadãos, segundo o titular da Subsecretaria de Tecnologia e Serviços ao Cidadão, Júlio Semeghini.

“Com as novas tecnologias hoje existentes, vamos poupar cada vez mais o tempo dos cidadãos”, acrescenta Semeghini, que foi um dos criadores do programa na gestão do ex-governador Mário Covas, em 1997, quando era presidente da Prodesp, empresa de tecnologia da informação do governo do Estado de São Paulo que administra o programa Poupatempo.

Inauguração Poupatempo Sé_1997_01Inaugurado no dia em 20 de outubro de 1997, com a abertura da unidade da Praça da Sé, o Poupatempo tem hoje 66 unidades que trabalham de segunda a sábado para simplificar a vida das pessoas que precisam dos serviços públicos, tendo como meta um atendimento público com qualidade, rapidez e cordialidade.

A 67ª unidade, em Sertãozinho, abre as portas em sistema de pré-atendimento a partir de segunda, dia 19, e outros três postos abrem ainda este ano em Guaratinguetá, Guarujá e Jaú. Juntos, os três representam mais sete mil atendimentos por dia.

Atualmente, o Poupatempo atende cerca de 170 mil atendimentos por dia, 30 mil a mais que no ano passado, quando 31 novas unidades foram inauguradas, praticamente dobrando o tamanho do programa. Em 2015, mais três postos foram abertos em Santo André, Taboão da Serra e Itaquaquecetuba, e hoje o Poupatempo está em todas as regiões administrativas do Estado.

Índices de satisfação – Em quase duas décadas, o Poupatempo tem recebido diversas visitas de delegações nacionais e internacionais, além de ter influenciado outros programas de governo por todo Brasil. Atualmente, o nome Poupatempo é referência de qualidade e tem sido inspiração para tantos outros projetos, dentro e fora de São Paulo.

Pesquisas de satisfação com usuários nos últimos quatro anos consecutivos, a aprovação do programa atinge os 99%, de acordo com institutos de pesquisas como o Ibope e a Fipe/USP. Este ano, o Poupatempo foi eleito em pesquisa de opinião do Datafolha o melhor serviço público de São Paulo.

Quem tem menos de 18 anos não sabe, mas antes do Poupatempo a Carteira de Identidade (RG) era tirada em delegacias e a espera podia demorar até três meses. Hoje o serviço é agendado no dia e hora escolhida pelo cidadão e o documento pode ser recebido em casa em até cinco dias. O agendamento pode ser feito por um aplicativo no celular (SP Serviços), pelo portal www.poupatempo.sp.gov.br ou pelo disque Poupatempo (0800 772 36 33).

Desde a inauguração do posto Sé, o RG tem sido o documento mais procurado. Em 1997, havia quem viajasse do interior de São Paulo para a Praça da Sé, marco zero da capital, só para conseguir o documento mais rapidamente.

Desde que foi criado, o Poupatempo já entregou mais de 43 milhões de Carteiras de Identidade (RG). Número equivalente à população da Argentina, além de 22 milhões de Carteiras de Motorista (CNH).  Por meios eletrônicos oferecidos pelo e-poupatempo, foram mais de 20 milhões de solicitações (16 milhões de Atestados de Antecedentes Criminais e 11 milhões de Carteiras de Trabalho (CTPS).

“Para nós, o cidadão é sagrado” – Mas nem só de números vive o Poupatempo. O coração do programa tem sido há 18 anos a equipe de colaboradores, sobretudo quem trabalha diretamente na orientação ao usuário. “O cidadão não busca apenas informação. Ele quer alguém que o olhe nos olhos e que escute o que ele tem a dizer”, explica Magnólia Franklim, orientadora no Poupatempo Sé há três anos.

Atualmente, o Poupatempo conta com 12,9 mil colaboradores, entre funcionários públicos, terceirizados, estagiários, médicos e voluntários de programas como o Escreve Cartas e Voz Amiga.

Poupatempo Sé_2015_02“Para o Poupatempo, o cidadão é sagrado”, explica Tânia Andrade, superintendente de operações do programa, destacando que o foco no atendimento eficiente e cordial, principal regra do Poupatempo. “O programa foi concebido para oferecer ao usuário um local com os principais serviços públicos em um ambiente confortável, com foco no respeito aos direitos dos cidadãos”.

Programa Poupatempo – O Poupatempo é um programa do Governo do Estado, executado pela Diretoria de Serviços ao Cidadão da Prodesp, empresa pública de Tecnologia da Informação. Desde a inauguração do primeiro posto, em 1997, o Poupatempo já prestou mais de 462 milhões de atendimentos. Atualmente conta com 66 unidades de atendimento instaladas na capital, Grande São Paulo, interior e litoral, além dos seis postos móveis.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Poupatempo faz 18 anos e passa a ter serviços pela internet"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *