Paulinho da Força afirma que Dilma deve ser cassada por improbidade administrativa

667 0

Da Redação – O presidente do Solidariedade, deputado Paulinho da Força (SP), foi um dos líderes da oposição que entregaram novo pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff, nesta quarta-feira (21), em Brasília. “Estamos em uma verdadeira cruzada para os preceitos da Justiça sejam seguidos. É mais que razoável que uma presidente que não respeita minimamente as Leis Orçamentárias seja afastada do cargo”, afirma o deputado.

No novo documento entregue ao presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB/RJ), as chamadas ‘pedaladas fiscais’ do governo em 2015 foram incluídas. “O TCU apurou que a Dilma continuou pedalando no primeiro semestre deste ano. Isso enquadra Dilma na Lei da Improbidade Administrativa, com perda de mandato. É a Lei. E a oposição está aqui em nome do Brasil para fazer as instituições cumpri-la”, sentencia Paulinho.

O pedido foi elaborado com o apoio dos juristas Hélio Bicudo, um dos fundadores do PT, e Miguel Reale Junior. Ainda anexados ao termo estão as cópias de decretos presidenciais assinados por Dilma que, segundo os juristas, embasam a tese das pedaladas.

Agora, a petição segue para análise de Cunha que decidirá acatar ou rejeitar. Se o pedido for acolhido, deverá ser criada uma comissão especial responsável por elaborar um parecer a ser votado no plenário da Casa.

Para ser aprovado, o parecer dependerá do apoio de pelo menos dois terços dos 513 deputados (342 votos). Se os parlamentares decidirem pelo início do processo de impeachment, Dilma será obrigada a se afastar do cargo por 180 dias, e o processo seguirá para julgamento do Senado.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Paulinho da Força afirma que Dilma deve ser cassada por improbidade administrativa"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *