Parra cobra atitude para início das obras do Piscinão Jaboticabal em SCS

168 1

Da Redação – A catástrofe poderia ter sido minimizada no Grande ABC se o Piscinão Jaboticabal, na divisa entre São Caetano, São Bernardo e a Capital, tivesse cumprindo o seu papel para o combate às enchentes.

Discutido há uma década sem avanços, o projeto do reservatório às margens do Córrego Jaboticabal, visa a construção de equipamento com capacidade para acumular 900 mil metros cúbicos de água das chuvas a custo de aproximadamente R$ 400 milhões.

“Estamos pagando a conta do impasse das desapropriações entre o Governo do Estado e a Prefeitura de São Paulo. Não podemos aceitar essa negligência com a região visto a maior tragédia da nossa história”, ressaltou o vereador Edison Parra (PSB), vice-presidente da Câmara de São Caetano.

O parlamentar está pressionando as autoridades competentes por meio de requerimento já protocolado nesta terça-feira (12) ao governador de São Paulo João Doria e ao Daee (Departamento de Obras e Energia Elétrica). Estudos realizados mostram que o Piscinão Jaboticabal continua sendo a melhor alternativa para minimizar os riscos de inundações nas áreas envolvidas.

“É preciso uma atitude imediata para responder à população. Não podemos esperar mais. É uma obra fundamental para o desenvolvimento econômico e social. Para que acontecimentos como este não se repitam, a região necessita que outras esferas de governo invistam em macrodrenagem”, concluiu.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

1 comentário on "Parra cobra atitude para início das obras do Piscinão Jaboticabal em SCS"

  1. Antônio Rocha

    Penso de forma diferente de Daee,
    Governador, Prefeitos e Vereadores. Acredito que teremos melhor resultado com construções de diversos piscinões de menor porte nas cabeceiras e percurso de todos os ribeirões que desembocam no Tamanduateí. Veja como exemplo o Ribeirão dos Couros os dois piscinões existentes antes da Praça de Piraporinha já não dão conta do volume de água. Existem ainda, pelo menis, três áreas propícias para novos piscinões. Do Piraporinha até o Jaboticabal existe áreas muito grandes que podem propiciar uma retenção significativa de água, área inclusive que está com obra paralisada a mais de 2 anos.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *