Palmeiras fica no 0 a 0 com a Ponte Preta em gramado encharcado

456 0

Da Redação – O Palmeiras ficou no 0 a 0 com a Ponte Preta, neste domingo, no encharcado gramado do estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, na noite deste domingo, na sequência do Paulistão 2018. Com o gramado prejudicado pela chuva forte no interior paulista, as equipes tiveram dificuldades para trocar passes e criar oportunidades de gol. O Verdão teve mais posse de bola e finalizou mais do que o adversário, mas não foi o suficiente para abrir o placar.

No próxima rodada da competição estadual, o Palmeiras terá pela frente um clássico, contra o Corinthians, na Arena do rival. O Derby será disputado no domingo (24), às 17h, após uma semana cheia de treinamento.

Contra a equipe de Campinas, o técnico Roger Machado realizou algumas mudanças na escalação inicial de sua equipe. O atacante Borja, com dores no joelho direito, ficou em São Paulo fazendo tratamento, e o meio-campista Felipe Melo, ainda não recuperado fisicamente da partida de quinta-feira (15), contra o Linense, começou no banco de reservas. Willian e Thiago Santos substituíram os dois jogadores poupados.

Com a forte chuva, o gramado do Moisés Lucarelli ficou bastante pesado. As poças d’água prejudicavam o toque de bola, obrigando as duas equipes a buscar os lançamentos longos da defesa para o ataque. A Ponte Preta criou boas chances pela esquerda, com um chute de fora da área de Orinho e um cruzamento perigoso que terminou em cabeçada de Jeferson, mas as duas finalizações pararam nas mãos do goleiro Jailson, sempre atento. Mas foi só. A etapa inicial terminou sem grandes chances e com um futebol apenas esforçado.

No segundo tempo, o Palmeiras veio com Victor Luis na vaga do amarelado Michel Bastos. A situação no outro lado do gramado, entretanto, não era melhor para o Verdão e a partida continuava trucada. Aos 14, Alejandro Guerra criou as duas melhores oportunidades de gol do jogo. Após roubar a bola no campo de ataque, o meio-campista invadiu a área e chutou de pé direito. Ivan espalmou e, no rebote, Willian ajeitou de cabeça para o próprio Guerra, que desta vez chutou para fora. Pouco tempo depois, o meia venezuelano foi substituído por Keno.

A resposta alvinegra veio aos 22, com um bonito chute de longe de Orinho. O lateral-esquerdo acertou a trave direita de Jailson, assustando o arqueiro alviverde. Apesar da tentativa adversária, o Verdão era superior na partida. Apenas dois minutos depois, Dudu dominou a bola com categoria pela esquerda e acertou o lado de fora da rede.

Roger Machado fez sua última alteração aos 40: Lucas Lima saiu para a entrada de Bruno Henrique. O Palmeiras ainda insistiu, aumentou o volume de jogo e partiu para a pressão. O capitão alviverde foi o principal jogador destes últimos minutos, criando mais algumas boas chances de furar o bloqueio da Ponte Preta. A partida, no entanto, terminou com um empate sem gols.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Palmeiras fica no 0 a 0 com a Ponte Preta em gramado encharcado"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *