Palmeiras e Corinthians vencem e são os melhores do Paulistão

719 0

Da Redação – A rodada deste domingo do Paulistão foi do jeito que as maiores torcidas do Estado gostam. No Allianz Parque, o Palmeiras teve mais domínio diante do Santos, e venceu o derbi por 2 a 1, no jogo em que o ex-idolo santista Lucas Lima enfrentou seu ex-clube. O Verdão se manteve com os 100% de aproveitamento e na liderança isolada Já o Corinthians, que reestreou Emerson Sheik, foi a Novo Horizonte e venceu o time da casa por 1 a 0, com gol de cabeça do zagueiro Pedro Henrique, aos 40min do 2º tempo.

Com o resultado, o Palmeiras segue nadando de braçada no Grupo C, agora com 15 pontos, sete a mais que o segundo colocado, o São Bento. Já o Corinthians conseguiu a sua quarta vitória no estadual, e apesar da derrota na estreia para a Ponte Preta, o time tem a segunda melhor campanha no geral, atrás apenas do Verdão. Com 12 pontos, o Timão tem cinco pontos a mais que o segundo colocado Bragantino.

O clássico entre Palmeiras e Santos marcou o reencontro de Lucas Lima com seu antigo clube. Melhor para o agora meia palmeirense. Apesar de não ter feito gol, o camisa 20 se movimentou e não causou nenhuma polêmica com os ex-companheiros. Substituído no final do jogo, quando Roger promoveu a estreia de Gustavo Scarpa, o meia deixou o campo aplaudido pelos quase 38 mil torcedores.

Mas quem foi decisivo na vitória do Verdão foi o colombiano Borja. Antônio Carlos, porém, foi quem abriu o placar para o clube da capital. O ex-zagueiro da Ponte Preta subiu mais que toda a defesa do Peixe para marcar de cabeça aos 2min de jogo. E aos 4min do segundo tempo, Willian veio driblando na entrada da área e a bola correu mais do que o necessário. O camisa 9 aproveitou e bateu da entrada da área para vencer o goleiro santista. Renato descontou de cabeça aos 16min.

Placar mínimo – O Corinthians venceu o Novorizontino fora de casa, por 1 a 0, com gol marcado pelo zagueiro Pedro Henrique, aos 40min do 2º tempo. O zagueiro completou boa cobrança de falta de Jadson, testando firme para o fundo do gol. No mais, o Timão controlou bem as ações do time da casa, sobrando de destaque o retorno de Emerson Sheik, que entrou aos 20min do 2º tempo. Ele entrou no lugar de Clayson e usou a camisa de número 47 para lembrar a data dos seus dois gols contra o Boca, no dia 4 de julho de 2012, que garantiu ao Corinthians o título da Libertadores naquele ano.

O ruim contra o menos pior – No jogo entre dois dos piores times do Paulistão, o Mirassol se sobrepôs em pleno Anacleto Campanella. Bem postados em campo, os comandados de Moisés Egert souberam aproveitar as chances criadas para vence a primeira no campeonato. Aos 35 da etapa inicial, Marlon subiu mais que toda a defesa do São Caetano para completar boa cobrança de falta. Aos 32 da etapa final, Zé Roberto, que tinha acabado de entrar, deu números finais a partida, ao bater com curva da entrada da área.

Confira toda a rodada do Paulistão – Hoje: Linense x Ferroviária. Demais jogos: São Bento 2 x 2 Santo André; Ituano 1 x 1 Ponte Preta; São Paulo 2 x 0 Botafogo; Red Bull Brasil 1 x 1 Bragantino; Palmeiras 2 x 1 Santos; Novorizontino 0 x 1 Corinthians e São Caetano 0 x 2 Mirassol

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Palmeiras e Corinthians vencem e são os melhores do Paulistão"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *