Home Fóruns Palavra de Internauta P-Sol recomenda voto contrário em Orlando e em Alex no 2º turno em SBC

P-Sol recomenda voto contrário em Orlando e em Alex no 2º turno em SBC

Palavra de Internauta

Mestre

O PSOL – Partido Socialismo e Liberdade vem a público, por meio do seu Diretório Municipal de São Bernardo, posicionar-se diante do segundo turno da nossa cidade. A Direção do Partido se reuniu no dia 5 de outubro de 2016 e deliberou acerca do posicionamento contrário ao voto tanto em Orlando Morando (PSDB) quanto em Alex Manente (PPS).

Nossa posição é programática, pois compreendemos que as bandeiras históricas defendidas pelo Partido Socialismo e Liberdade não encontram chão fértil na postura partidária do PSDB ou PPS e seus respectivos aliados.

Ademais, o nosso partido, por meio do Diretório Nacional, definiu como balizamento a seguinte propositura no que se refere a política de alianças:

“Reafirmamos a diretriz partidária utilizada nas eleições de 2012, caminho que garantiu a preservação de nossa identidade, de nosso programa e de nossa tradição de luta, sem produzir isolamentos perante o eleitorado de esquerda. Assim, refutamos desde já qualquer aliança com partidos da direita, tais como: PSDB, DEM, PMDB, PR, PRB, PTB, PSD, PPS, PSC, SD e PP. Alianças com esses partidos estão proibidas pela direção e devem contar com fiel cumprimento de nossas direções locais”.

Em nível local nossa identidade garantiu um crescimento significativo, tanto na chapa majoritária quanto na chapa proporcional. Não aceitamos nenhuma vinculação com os grandes esquemas eleitorais, defendemos a auditoria da dívida pública, somos contrários à municipalização do ensino fundamental do 6º ao 9º ano, defendemos o pleno atendimento à demanda por creches, defendemos a tarifa zero no transporte público; defendemos que o déficit é de 60 mil moradias seja zerado e que todas as áreas públicas sejam legalizadas, tenham saneamento básico e pavimentação.

Na área da saúde vamos exigir o fim das filas para consultas, exames e cirurgias; fim da terceirização e construção de mais UBSs com a contratação de mais médicos. No campo da cultura incentivar as manifestações culturais da juventude incorporando as propostas do plano municipal de cultura.

Nós, do PSOL, somos contrários à PEC 241; à minimilização do Estado com a diminuição de políticas públicas, sobretudo no campo da administração direta; também nos posicionamos radicalmente contra as Parcerias Públicas-Privadas que garantem o lucro do particular por dentro da máquina pública, fato que eleva os impostos para a sociedade e reduz a qualidade do serviço público.  Nessa perspectiva combatemos sem trégua as reformas da Previdência, Trabalhista e do Ensino Médio.

Entendemos que estas reformas têm o objetivo claro de tirar direitos dos trabalhadores para aumentar os lucros dos banqueiros, especuladores e megaconglomerados privados. Por este motivo, indicamos aos filiados e simpatizantes do PSOL que no próximo dia 30, votem 50 e expresse ao Poder institucional nosso desejo de garantir nas urnas os direitos preconizados pela Constituição de 1988 e suas políticas cidadãs.

Nem Morando, nem Manente. Venha para o PSol!

Nota do Diretório Municipal do PSol de São Bernardo do Campo

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.