Home Fóruns Palavra de Internauta Nota Oficial de Rio Grande da Serra  sobre o Novo Coronavírus (COVID-19)

Nota Oficial de Rio Grande da Serra  sobre o Novo Coronavírus (COVID-19)

Palavra de Internauta

Mestre

Nos últimos dias foi registrado um caso de suspeita de Coronavírus em uma moradora da região central de Rio Grande da Serra. Trata-se de uma mulher que teve contato com seu filho que chegara recentemente de uma viagem à Inglaterra e apresentou alguns dos sintomas da doença, principalmente febre alta. Os exames já foram realizados, mas o resultado sairá somente após o próximo dia 5. A paciente está em sua residência, em isolamento, utilizando máscara para evitar o contágio aos demais familiares.

A Secretaria de Saúde de Rio Grande da Serra tem adotado os procedimentos recomendados pelo GVE – Grupo de Vigilância Epidemiológica, – GVS – Centro de Vigilância Sanitária – de São Paulo, e pelo Ministério da Saúde.

A Secretaria de Saúde de Rio Grande da Serra realizou recentemente treinamento com os profissionais da pasta para lidarem com o Coronavírus, onde foram abordadas medidas de prevenção, indicações de tratamento e orientações à população.

Caso de suspeita em Ribeirão Pires

Na última semana foi noticiado em alguns veículos da imprensa local que há um caso suspeito de contágio com o Novo Coronavírus (COVID-19) na região do Grande ABC, mais precisamente em Ribeirão Pires, notificado pelo município de Mauá – Santa Casa. Trata-se de paciente do sexo feminino, 28 anos, que esteve em fevereiro na Itália e na França. A paciente está sendo monitorada por órgão de saúde pública e recebeu as orientações, seguindo protocolo estabelecido pela Secretaria de Estado de Saúde e Ministério da Saúde. Ainda não há, porém, nenhuma confirmação oficial.

Prevenção ao Coronavírus

Cuidados, diante de casos suspeitos, são semelhantes aos adotados para evitar a Gripe:

  • Evite ficar em contato próximo a pessoas com febre e tosse.
  • Procure um serviço médico se apresentar sintomas como febre, tosse e dificuldade de respirar.

Lave as mãos frequentemente com água e sabão e use antisséptico de mãos à base de álcool gel 70%, principalmente:

  • Após tossir ou espirrar.
  • Depois de cuidar de pessoas doentes.
  • Após ir ao banheiro.
  • Antes e depois de comer.

Ao tossir e espirrar:

  • Cubra a boca e o nariz. Use os braços ou lenço descartável. Evite usar as mãos. E, se usar, lembre-se de lavar bem com água e sabão.
  • Se usar um lenço jogue-o fora imediatamente e lave as mãos.
  • Use, preferencialmente, lenços descartáveis.

Máscaras:

No momento, não há recomendação para uso de máscaras para a população no geral. Quem estiver saudável não precisa se preocupar com isso. Mas todos devem sempre fazer a higienização das mãos com água e sabão ou álcool gel, e evitar contato com mucosas de nariz, boca e olhos. São cuidados simples, importantes e que devem ser frequentes para prevenir doenças contagiosas.

Fique Atento!

Quem esteve em países com casos confirmados da doença e apresentar sintomas suspeitos deve:

  • Evitar o contato com outras pessoas.
  • Procurar um serviço médico imediatamente.
  • Seguir os cuidados recomendados.

Casos suspeitos:

Quem apresentar os sintomas deve procurar qualquer serviço de saúde.

Para casos graves, a rede estadual de saúde preparou hospitais de referência na capital, interior e litoral.

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.