O Legislativo nos debates da Linha 18

266 0

* Edison Parra – Antiga reivindicação de toda região do ABC, a Linha 18-Bronze segue adormecida desde 2014, quando seu edital foi lançado pelo ex-governador Geraldo Alckmin.

Atualmente, o assunto foi retomado pelo governador João Doria com a mudança de modal de Monotrilho, ferrovia constituída por um único trilho, para BRT, transporte rápido por ônibus. Não há projeto. Não se tem definição dos detalhes técnicos e operacionais, muito menos dos resultados que trarão.

Sabe-se que o BRT é muito mais barato. Porém, uma solução de longo prazo é o Monotrilho. Faz-se necessário um debate consistente e transparente com o governo estadual, secretários, deputados, prefeitos e vereadores das cidades envolvidas para que assim possamos discutir e apresentar sugestões e críticas e em seguida repassarmos para nossos munícipes.

Nada mais oportuno que os Legislativos dos municípios que serão afetados pela Linha 18 (Santo André, São Bernardo e São Caetano) participem plenamente das discussões sobre os assuntos pertinentes à essa importante obra. Pensando nisso, protocolei em 5 de abril na Câmara de São Caetano requerimento ao Metrô solicitando informações sobre a possibilidade de disponibilizar vagas aos vereadores do Grande ABC no grupo de estudos sobre o modal.

O objetivo deste documento é a busca da integralização de ideias e participação efetiva em decisões. Acredito que ter representantes do Legislativo da região nesta comissão será mais uma forma de fazer com que as ações tenham fundamentações, possibilitando a voz do usuário nas análises e a conclusão dos estudos para iniciar as obras tão esperadas pela população. Nós, parlamentares, podemos colaborar nos prós e contras sobre as opções colocadas, o Monotrilho ou o BRT, que podem ser embasadas e aprofundadas com a participação mais efetiva dos agentes locais.

Houve um consenso que se repete na opinião de demais especialistas e setores do Grande ABC durante o V EIMUS (Encontro Ibero-Americano de Mobilidade Urbana Sustentável), sediado em São Caetano entre os dias 7 e 9 de maio.

O modal ideal para nossa região seria o Monotrilho por diversas razões, como rapidez e menor consumo de energia e do impacto ambiental. Entretanto, as discussões prosseguem e, no momento, o BRT se destaca como a opção econômica por demandar menos custos. Na solenidade de abertura, como presidente em exercício do Legislativo, destaquei o importante momento para reflexão e troca de ideias.

Seja qual for o modal escolhido pelo Governo do Estado para a Linha 18-Bronze, que ligará o ABC à Capital, nós enquanto representantes da população no Poder Legislativo, vamos continuar participando dos debates e decisões a fim de buscar o melhor para nossas cidades.

* Edison Parra é empresário, vereador e vice-presidente da Câmara de São Caetano

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "O Legislativo nos debates da Linha 18"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *