Mulheres em atividades predominantemente masculinas derrubam o mito do sexo frágil

501 0

Da Redação – Apesar de o mercado de trabalho ainda ter áreas dominadas em sua maioria pelos homens, a participação feminina tem crescido e podemos notar a presença de mulheres como instrutoras de trânsito e também em cursos para operar empilhadeiras e transportar produtos perigosos. É o caso de Isabel Verônica Ribeiro dos Santos Barbato, bacharel em Comunicação Social.

No intuito de se inserir no mercado de trabalho em outra área, ela se matriculou na Escola Profissional para Motoristas do SEST SENAT São Vicente. Isabel conta que decidiu fazer um curso que envolvesse direção, por gosto pessoal, e o transporte de cargas, pela oferta de empregos no porto de Santos. “Sei que sou uma boa candidata, estou me capacitando para o transporte de cargas e tenho muita vontade de vencer”, destaca Isabel.

Isabel Barbato faz curso para dirigir carretas. Ela também quer mostrar que a mulher tem habilidade suficiente para todo tipo de serviço: “a mulher pode dirigir uma carreta com 25, 50 toneladas. Por que não?”, conclui.

Como instrutora de trânsito para capacitação profissional, Isabel Albino relata que ainda existe um certo preconceito por parte dos homens ao se depararem com uma mulher ministrando as aulas: “Alguns alunos se perguntam o que faz uma mulher na frente da sala, explicando sobre o trânsito para motoristas com experiência de anos em estradas”. Mas, segundo a instrutora, essa atitude é desarmada durante as aulas: “quando se fala com propriedade e conhecimento, o aluno entende que merecemos respeito como qualquer outra pessoa”, completa.

SEST SENAT – O Serviço Social do Transporte (SEST) e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (SENAT) são entidades civis, sem fins lucrativos. Criadas em 1993, pela Lei 8.706, a partir de um processo de conscientização do setor e de entidades sindicais. As instituições têm se firmado como substanciais colaboradoras para o desenvolvimento do setor de transporte do país, atuando na formação e na qualificação de profissionais para o mercado.

Para a preparação, a promoção do emprego e renda e, acima de tudo, o sucesso profissional dos trabalhadores, as entidades oferecem cursos e serviços especializados, garantindo maior capacitação e acesso ao mercado de trabalho. A assistência ao trabalhador prioriza, ainda, na área de saúde, esporte, lazer e cultura, a prevenção de doenças, a promoção e a preservação das condições saudáveis dos indivíduos, o bem-estar físico e mental e a inclusão e integração do indivíduo na sociedade.

SERVIÇO: SEST SENAT de São Vicente Praça Adalberto Panzan, 151 – Esplanada dos Barreiros – São Vicente-SP Horário de atendimento: de segunda a sexta das 8h às 17h30 Sábados das 8h às 12h30 Telefone: (13) 3465-1300 www.facebook.com/sestsenatsaovicente

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Mulheres em atividades predominantemente masculinas derrubam o mito do sexo frágil"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *