Microban desenvolve tecnologia microbiostática que impede proliferação desenfreada de superbactérias

585 0

Da Redação – Manter o controle microbiológico em áreas críticas e de alto tráfego de pessoas é um grande desafio. Produtos de limpeza não são 100% eficazes e fatores externos, como o uso e a frequência dos processos de higienização, também podem interferir na tentativa de manter o ambiente livre do crescimento descontrolado de microrganismos, que, por sua vez, podem prolongar o período de internação dos pacientes e gerar diversos tipos de dificuldade aos gestores de hospitais.

Para combater este problema, a Microban desenvolveu uma tecnologia microbiostática que pode ser aplicada em diversas superfícies comuns em hospitais, reduzindo os pontos de contaminação cruzada e a proliferação perene de organismos nocivos em ambientes críticos, que exigem alto controle microbiológico. A nova tecnologia Microban mata os microorganismos através do contato físico, no momento em que a bactéria tenta se fixar na superfície do objeto para se proliferar. O produto perfura a sua parede celular, causando um vazamento citoplasmático e interrompendo o seu ciclo de alimentação e reprodução.

Aplicações e parcerias – Desenvolvida para aderir a diversos tipos de superfícies e materiais, a tecnologia Microban pode ser aplicada em cadeiras, aparelhos médicos, paredes, tecidos, estofados, dispensadores de sabonete e álcool em gel, divisórias de PVC, equipamentos médicos e até carimbos. Atualmente, a tecnologia Microbiostática Microban está presente em diversos produtos direcionados a hospitais pelas marcas parceiras Flexform, Schneider Electric, NS, Deca, Formica, Rodcar, Embalixo, Fortlev, Fellowes e Colop.

Casos de referência – O hospital Fiona Stanley, da Austrália, conta com a tecnologia microbiostática da Microban garantindo segurança a todos os seus públicos. Para oferecer um ambiente mais limpo, fresco e seguro aos pacientes, médicos e funcionários, o hospital teve todas as paredes pintadas com a tinta Pure Performance, da Taubmans. A marca incluiu a solução Microban no processo de fabricação da tinta que, aplicada nas paredes, protege o local contra germes e bactérias e inibe o crescimento de mofo, bolor e fungos. O produto é utilizado nos quatro edifícios do hospital, tendo tornado o ambiente estéril à proliferação microorganismos nocivos à saúde.

No Brasil, a tecnologia antibacteriana da Microban já foi implementada no hospital Samaritano, através das cadeiras da marca Flexform® . De acordo com a supervisora de marketing da marca, Fernanda Mourão, com a parceria será possível oferecer um produto que agregue beleza, qualidade, segurança e funcionalidade. “Apostamos na tecnologia Microban para ampliar a qualidade e a segurança dos nossos produtos. A limpeza de uma cadeira comum de hospital não é 100% eficaz e, mesmo que a limpem constantemente, não é comum esterilizarem o móvel. Por isso, as unidades formadoras de colônia voltam a crescer e dobram sua quantidade a cada 20 minutos”, afirma Fernanda. As cadeiras da marca também devem chegar, em breve, nos hospitais da rede D´Or São Luis.

Sobre a Microban – Há mais de 30 anos no mercado, a Microban é líder mundial em Tecnologia
Antibactérias e Antifungos incorporada na fabricação de produtos, oferecendo maior segurança aos consumidores. Utilizando tecnologia de ponta, a empresa desenvolve soluções antimicrobiana e antiodor, proporcionando uma ação eficaz em diversos produtos, como utensílios domésticos, objetos pessoais, artigos têxteis, revestimentos, móveis e também produtos específicos para a área de saúde, indústria alimentícia e food service.

Total 1 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Microban desenvolve tecnologia microbiostática que impede proliferação desenfreada de superbactérias"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *