Mês da Consciência Negra dita programação do Sesc SA em novembro

68 0

Da Redação – A programação de novembro do Sesc Santo André abre espaço para reflexões sobre o mês da Consciência Negra através de apresentações artísticas no projeto “Identidades Negras”. As atrações de shows musicais, espetáculos de dança e teatro para crianças são focadas em diálogos com a tradição de povos oriundos do continente Africano e dos países que têm a cultura negra em sua identidade.

Dentro da programação musical, é possível prestigiar a cantora Daúde que apresenta seu quinto CD, o “Código Daúde”, no dia 17/11 (sexta-feira), às 21h. Neste trabalho, ela esbanja ritmo, conhecimento de causa e inventividade, sempre filtradas pela sua forma única de cantar.

No dia 24/11 (sexta-feira), às 21h, Graça Cunha faz reverência a grandes compositores negros brasileiros que, através do samba, contam suas histórias, falam de amor, de questões sociais, e também de suas origens e ancestralidade, no show “Tributo aos mestres negros do samba”. Já no dia 25/11 (sábado), às 20h, Tony Tornado sobre ao palco com a banda Funk Essência para fazer uma homenagem a Tim Maia, além de apresentar sucessos de sua carreira de mais de 50 anos.

Ainda dentro do universo musical, o projeto mensal e gratuito Quintas Musicais traz ao público parte dos ritmos que foram resultado da diáspora da população negra. De 9 a 30 de novembro, sempre as quintas-feiras, às 20h, acontecem apresentações diferentes, no Palco da Comedoria. Entre os homenageados estão sucessos de ícones como James Brown, Aretha Franklin, Tina Turner, Tim Maia, Sandra de Sá e Ed Motta, Nina Simone, Alcione, Martinho da Vila, Arlindo Cruz, entre outros.

Os espetáculos de dança são gratuitos e contam com a presença do Ballet Afro Koteban, em “Encontro Atlântico”, no feriado de 2/11 (quinta-feira), às 16h. A produção coletiva do grupo, formada por artistas da Guiné e dos povos africanos no Brasil, busca pensar a atualidade da ancestralidade africana tomando o Oceano Atlântico como metáfora. Já no feriado de 15/11 (quarta-feira), às 16h, acontece o “Funk Soul Groove”, com o grupo Chemical Funk. A apresentação é uma intervenção urbana interativa, que envolve o público participante em uma atmosfera divertida e dançante.

E para encerrar os feriados do mês, no dia 20/11 (segunda-feira), às 16h, é a vez de “Yebo”, com o grupo Gumboot Dance Brasil. O espetáculo aborda a exploração, tanto das minas de minério como dos sete povos levados para extração, a criação de um dialeto sonoro a partir das batidas nas botas de borracha e a espera das mulheres por seus maridos mineiros durante a temporada de trabalho nas minas.
Já paras as crianças, é possível conferir a peça “Eleguá, menino e malandro”, com Clã do Jabuti, nos dias 2 e 15/11, às 12h. O espetáculo, gratuito para crianças até 12 anos, conta a história de Eleguá, um príncipe muito esperto que todo mundo tem medo das suas artimanhas e malandrices de moleque.
PROGRAMAÇÃO IDENTIDADES NEGRAS:
SHOWS:
Daúde – Código Daúde
Quando: 17/11, sexta, às 21h
Onde: No Teatro.
Ingresso: R$ 20,00 (inteira), R$ 10,00 (aposentado, pessoa com 60 anos ou mais, pessoa com deficiência, estudante e servidor de escola pública com comprovante), R$ 6,00 (trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes). Não recomendado para menores de 12 anos.

Graça Cunha – Tributo aos mestres negros do samba
Quando: 24/11, sexta, às 21h
Onde: No Teatro.
Ingresso: R$ 20,00 (inteira), R$ 10,00 (aposentado, pessoa com 60 anos ou mais, pessoa com deficiência, estudante e servidor de escola pública com comprovante), R$ 6,00 (trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes). Não recomendado para menores de 12 anos.

Tony Tornado e Banda Funk Essência – Homenagem a Tim Maia
Quando: 25/11, sábado, às 20h
Onde: No Teatro.
Ingresso: R$ 20,00 (inteira), R$ 10,00 (aposentado, pessoa com 60 anos ou mais, pessoa com deficiência, estudante e servidor de escola pública com comprovante), R$ 6,00 (trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes). Não recomendado para menores de 12 anos.

QUINTAS MUSICAIS – DIÁSPORA DA MÚSICA NEGRA
Soul Fine – Soul, Funk e R&B
Quando: 9/11, quinta, às 20h
Onde: Palco da Comedoria
Ingresso: Grátis. Livre

Lidi Cortez – Blues e Jazz
Quando: 16/11, quinta, às 20h
Onde: Palco da Comedoria
Ingresso: Grátis. Livre

Juquinha – Samba
Quando: 23/11, quinta, às 20h
Onde: Palco da Comedoria
Ingresso: Grátis. Livre

Margareth Reali – Choro
Quando: 30/11, quinta, às 20h
Onde: Palco da Comedoria
Ingresso: Grátis. Livre

DANÇA:
Encontro Atlântico – com Ballet Afro Koteban
Quando: 2/11, quinta, às 16h
Onde: Área de Convivência
Ingresso: Grátis. Livre

Funk Soul Groove – com Chemical Funk
Quando: 15/11, quarta, às 16h
Onde: Área de Convivência
Ingresso: Grátis. Livre

Yebo – com Gumboot Dance Brasil
Quando: 20/11, segunda, às 16h
Onde: Área de Convivência
Ingresso: Grátis. Livre

CRIANÇAS
Eleguá, menino e malandro – com Clã do Jabuti
Quando: 2/11 (segunda) e 15/11 (quarta), às 16h
Onde: No Teatro
Ingresso: R$ 17,00 (inteira), R$ 8,50 (aposentado, pessoa com 60 anos ou mais, pessoa com deficiência, estudante e servidor de escola pública com comprovante), R$ 5,00 (trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes). Grátis para crianças até 12 anos mediante retirada de ingresso na Bilheteria. Livre

Serviço – Sesc Santo André (Rua Tamarutaca, 302 – Vila Guiomar – Santo André) Telefone – (11) 4469-1311. Estacionamento (vagas limitadas): Credencial Plena – R$ 5 (R$ 1,50 por hora adicional) | Outros – R$ 10 (R$ 2,50 por hora adicional)

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Mês da Consciência Negra dita programação do Sesc SA em novembro"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *