Márcia Lia questiona planos e ações de combate a enchentes em SP

415 0

Parlamentar solicitou à Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente diagnóstico mapas de piscinões, rios, córregos e represas da cidade

Da Redação – A deputada estadual Márcia Lia quer os planos e ações de combate a enchentes e despoluição de rios, córregos e represas sob responsabilidade do Governo do Estado na cidade de São Paulo. O requerimento de informação 450/2020, protocolado na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), no início de julho, foi encaminhado à Secretaria de Estado de Infraestrutura e Meio Ambiente com um questionamento detalhado para entender pontos bem específicos da gestão de recursos hídricos da Capital Paulista.

“Estamos pedindo todos esses dados porque é público e notório que as enchentes continuam assolando várias regiões da cidade de São Paulo. Apesar de termos os piscinões eles não são suficientes. Também estamos longe de vislumbrar soluções para a despoluição dos rios, barragens e córregos da cidade, o que compromete inclusive o abastecimento de água da população paulistana”, justifica a deputada Márcia Lia.

O documento traz principalmente questionamentos sobre os piscinões de São Paulo: quantos são, quantos têm intersecção com piscinões de outras cidades, se existe um cronograma de instalação de novas estruturas, quais os prazos e sua localização, se eles são suficientes para combater as enchentes da cidade, como é realizada a limpeza e manutenção desses espaços, qual a destinação dos resíduos decorrentes das limpezas e que empresas fazem o transporte e descarte desse material.

A deputada também quer saber quais outras medidas e métodos estão previstos para conter as enchentes na Capital Paulista, quais as causas dos alagamentos e quais as ações conjuntas entre município e Estado para evitar prejuízos para o meio ambiente e população.

O requerimento de informação continua questionando o Estado sobre a existência de estudos da taxa de permeabilidade e retenção de águas pluviais dos imóveis e sobre a perspectiva de reuso de água de chuva na cidade de São Paulo, assim como a previsão de um projeto de despoluição das Represas Billings e Guarapiranga.

A Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente também terá de responder sobre os prazos da despoluição completa do Rio Tietê, o cronograma do Projeto Tietê, que prevê a revitalização das margens do rio, as obras em andamento e as obras paralisadas, além dos dados do Programa Novo Rio Pinheiros, esperado para 2022. “Solicitamos ao secretário Marcos Penido muitos dados que mostram a transparência da gestão estadual e esperamos o pronto atendimento com todas as informações para entender o que tem sido feito pelo Estado e o que está sob competência do município para gerenciar e preservar os recursos hídricos da Capital”, fala a deputada Márcia Lia.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Márcia Lia questiona planos e ações de combate a enchentes em SP"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *