Mais escolas incluem meditação em seus programas de ensino

929 0

Da Redação – Após passar 2017 investindo e ampliando a atuação do projeto MindKids, que leva o ensino da meditação para crianças, jovens, pais e professores de escolas públicas e privadas, além de entidades de ensino de forma geral, a idealizadora do projeto, Daniela Degani, inicia 2018 com um leque ainda maior de atuação.

Só neste primeiro semestre serão quase 700 alunos impactados, sendo que o número de instituições de ensino atendidas pela MindKids cresceu 50%. Um dos grandes avanços, de acordo com Daniela, que foi treinada pela Mindful Schools, dos Estados Unidos, foi chegar também nos professores com mais força neste ano.

“Nesse período que antecede as aulas, ensinamos as práticas introdutórias de meditação a educadores, e também atividades de atenção plena para realizar em sala de aula, com os alunos, e que podem ajudar no desenvolvimento da atenção, equilíbrio emocional e compaixão de crianças e jovens”, explica Daniela.

Oswald de Andrade, Escola Santi, be.Living são algumas das escolas confirmadas para 2018. Além disso, houve o treinamento, antes do início do período das aulas, de mais de 50 professores da Escola PlayPen e Colégio Saberes, que devem ajudá-los a realizar atividades de atenção em sala de aula.

Saiba mais sobre o projeto em www.mindkids.com.br

 

 

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Mais escolas incluem meditação em seus programas de ensino"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *