Lojas Pernambucanas inicia a capacitação de pessoas de baixa renda

378 0

Projeto Oficina Escola investe na educação, forma cidadãos e contribui com a recolocação profissional

Da Redação – A Pernambucanas, marca varejista nacional pioneira em inovações, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), está na 6ª turma do Projeto Oficina Escola. Além de preservar o meio ambiente, poupar recursos naturais, colaborar com a comunidade local e gerar economia, o projeto proporciona aos participantes a aquisição de uma nova especialização, que contribui para inseri-los no mercado de trabalho. 

A iniciativa visa capacitar colaboradores do Centro de Distribuição e pessoas de baixa renda, residentes na região de Araçariguama (SP), para a reforma de mobiliários utilizados nas lojas da Pernambucanas, além de colaboradores que queiram ingressar numa nova profissão. O projeto engloba o tripé de sustentabilidade: na esfera social, oferece capacitação, uma nova profissionalização e a possibilidade de inserção e/ou retorno ao mercado de trabalho das pessoas formadas da comunidade; na ambiental, permite o reaproveitamento de materiais e o consumo consciente de recursos naturais; e, na econômica, prolonga a vida útil dos equipamentos, otimizando os investimentos em novos mobiliários.

O programa é contínuo e reúne cerca de dez alunos por turma (cinco vagas são reservadas à comunidade), com aulas práticas e teóricas, cinco vezes por semana, durante três meses. Durante o curso, os alunos são capacitados pelo SENAI em marcenaria, soldagem, preparação em resina para manequins e pintura.  Para as vagas da comunidade, os requisitos para participar são: maiores de 18 anos; 5ª série do Ensino Fundamental concluída; renda per capita de até dois salários-mínimos; desempregado há mais de três meses; e residente nos municípios de Araçariguama ou São Roque (SP).

Ana Flavia Oliveira, marceneira do CDA e ex-aluna do Projeto Oficina Escola, nunca tinha pensado em seguir nessa profissão, mas se interessou pelo curso. “Não tinha muito expectativa, pois não conhecia nada sobre esse universo da marcenaria, mas não me intimidei por ser um trabalho realizado mais por homens. Eu não vejo que uma profissão é para homens ou para mulheres, acredito que trabalho é trabalho. Não tive nenhuma dificuldade, comecei a aprender, vi que não era tão difícil como imaginava e estou aqui até hoje, muito feliz e realizada”, conta.

Os alunos recebem certificação do SENAI, sendo orientados sobre como agir para ingressarem no mercado de trabalho. Das seis últimas turmas, 9 participantes foram contratados para trabalhar no Centro de Distribuição da Pernambucanas, em Araçariguama. Além disso, se houver interesse e oportunidade, alguns dos alunos são capacitados por técnicos do Sebrae para atuarem como profissionais autônomos, à frente do próprio negócio.

Para Sergio Borriello, CEO da Pernambucanas, o Projeto Oficina Escola foi criado para construir um mundo mais sustentável e ajudar as pessoas a encontrarem um novo caminho profissional. “O pilar social do projeto é muito forte. Fizemos a parceria com o Senai para treinar não só os colaboradores do CD, mas também as pessoas da comunidade próxima, dando uma oportunidade de formação e capacitação. Isso vem ao encontro do propósito do início desse trabalho, no qual pensamos justamente em colaborar com a profissionalização da comunidade onde vivemos e fazer com que essas pessoas se desenvolvessem. Sabemos que esse projeto não tem a formação exclusivamente técnica e sim a formação de um cidadão mais bem capacitado, que mostra que é possível sonhar e construir novas trajetórias que nos levam a um mundo melhor”, comenta o executivo.

A Oficina Escola foi criada em 2017 e em 2020 concluiu sua 6ª turma, totalizando mais de 20 profissionais formados desde o início do projeto. Até hoje, o programa revitalizou ou construiu mais de 30 mil equipamentos que foram enviados para as mais de 400 lojas da Pernambucanas. Hoje, a oficina consegue produzir 50% dos equipamentos que estão nas lojas. O objetivo da companhia é que no futuro uma loja inteira possa ser inaugurada por meio dos itens produzidos pela Oficina Escola, como por exemplo, araras, manequins, bancos, mesas, balcões e torres. A Oficina também é sinônimo de eficiência e até o fim do ano irá gerar uma economia de R$ 2 milhões de reais para a varejista com a produção interna – parte desse valor é aplicado de volta no projeto para promover mais capacitações e empregos.

“É muito gratificante poder reafirmar nosso compromisso com os três pilares da sustentabilidade nesse trabalho. O projeto é tão importante para nós que criamos uma Websérie com 6 capítulos que consiste em mostrar o dia a dia dos profissionais, além de diversos depoimentos, entre eles os dos próprios alunos da Oficina Escola. O papel das empresas é gerar oportunidades. Quando você investe na educação das pessoas, esse é o único presente que ninguém tira dela, isso vai ficar para sempre. Esse é o propósito do projeto: colaborar com a profissionalização da comunidade onde atuamos, fazendo com que essas pessoas se desenvolvam. Tudo isso aliado a um espetacular projeto que ajuda o meio ambiente”, finaliza Borriello.

A websérie da Oficina Escola será veiculada a partir do dia 8 de janeiro no canal da Pernambucanas no YouTube.

Sobre a Pernambucanas

Há 112 anos, a Pernambucanas evolui junto com a família brasileira. Referência no varejo nacional, a companhia tem como marca registrada o pioneirismo e a contribuição para o progresso de diversas cidades do país. Conta com um time de estilistas que identificam as principais tendências mundiais da moda e oferece uma ampla variedade de produtos em moda, beleza, lar, eletroportáteis, telefonia e informática.  Está presente em cerca de 300 cidades, em dez estados e no Distrito Federal, com mais de 400 lojas e cerca de 13 mil colaboradores. Além do varejo, a companhia tem a sua fintech, a Pefisa, braço financeiro do grupo, responsável pelo desenvolvimento e gestão dos produtos como a Conta Digital Pernambucanas, PIX, Carteira Digital, cartões, empréstimo pessoal e seguros. Sempre se reinventando e acompanhando às necessidades de seus clientes, a Pernambucanas oferece uma inovadora plataforma digital de relacionamento em varejo e produtos financeiros, com aplicativos, compra online, tablet (concessão de crédito 100% digital em 7 minutos), emissão instantânea de cartão com chip, atendimento digital e Wi-Fi grátis em todas as lojas.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Lojas Pernambucanas inicia a capacitação de pessoas de baixa renda"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *