ITF de Beach Tennis define campeões neste domingo (28) em Santos

1492 0

Da Redação – Os melhores atletas de beach tennis do mundo iniciaram neste sábado (27), em Santos, as fases eliminatórias do ITF de Beach Tennis, maior competição da modalidade realizada no País até o momento. Neste domingo (28), a promessa é de mais um dia de arena cheia na Praia do Gonzaga para as finais, momento em que serão conhecidos os campeões da edição de 2018 do torneio internacional. A data promete ser histórica para o esporte, uma vez que a decisão do torneio, na categoria duplas masculinas, marcada para as 15h, terá transmissão pelo canal Bandsports.

Comum às mais diversas modalidades esportivas disputadas no sistema de mata-mata, o momento da estreia foi de dificuldade para algumas duplas cabeças de chave no masculino. Este foi o caso de dois atletas da seleção brasileira de beach tennis, Ralff Abreu e Diogo Nogueira, na primeira rodada. Após perder o primeiro set por 4/6 para José Luiz Santos e João Weisinger, Ralff e Diogo garantiram a vitória por 2 sets a 1, com 6/3 e 6/1 para a dupla cabeça de chave 4.

“Começamos um pouco sem ritmo. O Ralff e eu não jogamos juntos há quatro meses, porque venho de uma lesão sofrida há seis meses. Disputamos apenas um evento que não era da ITF e agora voltamos a jogar juntos. Começamos mal e fomos melhorando no segundo set, para encontrar o ritmo ideal no set final”, disse Diogo, atleta de 22 anos e praticante do beach tennis desde 2013. “Jogava tênis de quadra e depois de dois anos mudei para o tênis de praia, minha modalidade até hoje”, completou.

Dupla de lendas do esporte – Quem também teve um início complicado foram os cabeças de chave 8, o italiano Alex Mingozzi e o carioca Vinicius Font, tenistas que estão entre os principais da história de Itália e Brasil e já atingiram o topo do mundo no esporte. Após levar 1/6 no primeiro set, Alex e Vini deram a volta com 6/1 e 6/3, sem dar chances para Rodrigo Girilli e Tiago Tavares. “Santos tem a característica de, quando chove, ficar a areia mais dura. Ou seja, como todos os profissionais sacam bem, o nível se equilibra. Perdemos três saques nossos no início, o que muda. Os caras estava muito bem e dava tudo certo”, afirmou Vini Font.

“Colocamos a cabeça no lugar e encaixamos melhor os saques, tirando o ritmo deles. Ao invés de irmos para o ataque, deixamos eles nos atacarem e assim cansaram bastante. Deu certo e vamos para a próxima fase”, avaliou Vini, um dos pioneiros do beach tennis no Brasil. “Chegar em Santos e ver tantas quadras e sempre cheias, é muito gostoso. Querendo ou não, isso aqui é fruto de um pouco do meu trabalho, do Mongozzi, de atletas como Marcus Vinicius Ferreira, da Joana Cortez, que ajudam a fomentar o esporte. Nós encabeçamos, junto com vários outros, e é gratificante ver o tamanho do tênis de praia no Brasil”, finalizou Vini.

Esporte não para de crescer – Jogador do Clube Esperia, em São Paulo (SP), Tiago Tavares enfrentou duas lendas do esporte, Alex e Vini, e após a partida contou um pouco do crescimento do beach tennis no local em que pratica o esporte. “O beach tennis chegou há cerca de oito anos no Esperia, por meio de atletas como Fabio Gonçalves, Fabio Nucini e Roberto Muro e Adriano Armani. Estamos com quatro quadras e de dois anos para cá, cresceu de 40 praticantes para quase 200. É fantástico ver o esporte crescendo no clube. Desde crianças até idosos não saem das quadras. Olhando de fora, imagino que seja a modalidade que mais teve aumento de praticantes no Esperia. Nenhum é como o tênis de praia, que tem a seu favor o fato de agregar muito a família”, disse o tenista de Itajubá (MG), radicado na capital paulista.

Favoritas vencem na estreia – Se entre homens alguns cabeças de chave encontraram certa dificuldade, entre as mulheres as atuais campeãs do ITF de Beach Tennis, Flaminia Daina (ITA) e Patricia Diaz (VEN), não encontraram dificuldades para iniciar bem a defesa do título de campeãs do torneio. Elas passaram facilmente pelas brasileiras Luciene Muro e Janaina Arman, em pouco mais de 40 minutos de jogo, parciais de 6/0 e 6/1.

“Fomos bem neste começo de campeonato. Para mim é sempre legal estar aqui no Brasil, com um povo que é ótimo. O ambiente é incrível no ITF de Beach Tennis em Santos. Espero ter sorte nas partidas. Não pensamos em uma eventual final neste momento, mas sim passo a passo, em cada partida. Vamos jogar as quartas de final no fim da tarde, então é descansar e já pensar no próximo desafio”, analisou Flaminia Daina.

Venezuelana radicada em Miami (EUA), Patricia falou da expectativa para o evento. “A preparação para o ITF de Beach Tennis foi bem forte, porque sabemos do nível das adversárias. Gosto muito de competir com a Flaminia e juntas já obtivemos bons resultados. Porém, sabemos que as demais tenistas também estão bem preparadas, ou seja, qualquer dupla pode sair vencedora daqui”, avaliou Pati Dias.

“Temos que usar o peso do favoritismo a nosso favor e saber aceitar a pressão. Ou seja, estamos motivadas, mas nunca com a confiança acima do comum. Podemos perder para qualquer dupla, porque assim é o esporte. O bom de ser a atual dupla campeã, é que às vezes as adversárias estão jogando melhor, porém acabam achando que não é possível nos vencer e perdem as oportunidades criadas. Tudo tem seu pró e conta”, finalizou Pati.

Programação do ITF de Beach Tennis – Neste sábado, das 8h às 18h, estão sendo realizadas as primeiras fases da competição. A previsão é de que até o fim da tarde estejam definidos os semifinalistas, tanto das duplas masculinas, quanto das femininas, que voltam a quadra neste domingo. Iniciada na sexta-feira (26), as duplas mistas tiveram a final adiada por conta da chuva, devendo ser realizada também no domingo.

ITF de Beach Tennis – Em setembro de 2016 a Federação Paulista de Tênis realizou em Santos o ITF de Beach Tennis 15.000. Na ocasião, os campeões das três principais categorias foram: os italianos Michele Cappelletti e Alessandro Calbucci, nas duplas masculinas PRO; a venezuelana Patricia Dias junto com a italiana Flaminia Daina, nas duplas femininas PRO; e Magalie Garnier (FRA) e Vinicius Font (BRA), nas duplas mistas PRO.

O ITF de Beach Tennis é uma realização da Federação Paulista de Tênis – FPT, por meio da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte do Governo do Estado de São Paulo, com supervisão da Confederação Brasileira de Tênis (CBT) e International Tennis Federation (ITF), e conta com o patrocínio de Bauducco e Sorvetes Jundiá.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "ITF de Beach Tennis define campeões neste domingo (28) em Santos"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *