Hospital Brasil oferece núcleo exclusivo dedicado à endometriose

159 0

Instituição reforça importância do diagnóstico e tratamento em locais especializados no Março Amarelo, que quer conscientizar sobre a doença

Da Redação – Quando o assunto é cólica menstrual, é difícil uma mulher que não tenha passado por esse incômodo em algum momento. No entanto, quando a dor é muito forte e mais frequente do que está habituada no ciclo, é preciso atenção, já que os sintomas podem ser indícios de endometriose.

Com a intenção de alertar o público feminino sobre a doença, neste mês acontece a campanha mundial de conscientização, conhecida como Março Amarelo. O Hospital e Maternidade Brasil, de Santo André, apoia a causa e, inclusive, conta com um núcleo exclusivo dedicado a endometriose, com ginecologistas especializados e equipe multidisciplinar.

A endometriose tem grande incidência e é uma das principais causas de infertilidade, atingindo cerca de 15% das mulheres em idade reprodutiva. A doença é caracterizada pela presença do endométrio, mucosa que reveste a parede interna do útero, crescendo em outros órgãos, como ovários, intestino e bexiga. Por conta dos sintomas principais – cólicas menstruais fortes, dores na relação sexual, dor pélvica, alterações urinárias e intestinais – a endometriose dificulta a execução de atividades rotineiras, causando incômodo e reduzindo a produtividade das mulheres.

“A doença se classifica em quatro níveis, mínima, leve, moderada ou severa. Por isso, aproveitamos o Março Amarelo para alertar as mulheres para que não negligenciem nem se acostumem com as dores”, destaca o Dr. Rogers Camargo, ginecologista do Hospital e Maternidade Brasil.

Pensando em devolver a qualidade de vida para essas pacientes, o núcleo especializado em endometriose do Hospital e Maternidade Brasil dá suporte à mulher em todos os estágios do tratamento. “A paciente passa em consulta médica, faz exames e já recebe o direcionamento para tratamento adequado e acompanhamento também com psicóloga e nutricionista”, explica o especialista. Uma equipe dedicada à endometriose no Hospital, que vai desde ginecologistas, cirurgiões do aparelho digestivo, urologistas, radiologistas, médicos do Grupo Dor, até fisioterapeutas, nutricionistas e psicólogos, contribui também para abreviar o tempo de diagnóstico da doença, que chega a levar anos até ser descoberta.

Diagnóstico e tratamento

O diagnóstico da endometriose é feito pelo quadro clínico, assim que percebido os sintomas. Para um resultado mais assertivo, no entanto, é preciso usar recursos de diagnóstico por imagem. A ultrassonografia pélvica e a ressonância magnética pélvica são os exames mais indicados e conseguem confirmar a endometriose em 85 a 95% das mulheres.

Existem dois tipos de tratamento para combater as dores da endometriose, cabe ao ginecologista avaliar a gravidade da doença. Em casos mais simples, a doença pode ser revertida com medicamentos para dores. Porém, quando mais avançada, a endometriose deve ser removida por meio de procedimentos cirúrgicos, como a videolaparoscopia e a cirurgia robótica.

“A cirurgia videolaparoscópica foi um grande avanço na abordagem da endometriose e vem sendo realizada há 29 anos no Brasil. Já a cirurgia vídeo-assistida por robótica, que está presente no País há apenas 10 anos, nos traz mais precisão e segurança na abordagem cirúrgica”, comenta o Dr. Renato Barretto, cirurgião do aparelho digestivo do Hospital e Maternidade Brasil. O ginecologista ainda enfatiza a eficiência desse tipo de cirurgia. “A técnica de alta precisão possibilita menos sangramento na hora da cirurgia, menos dor no pós-operatório e uma recuperação mais rápida. Assim, a paciente volta precocemente às atividades habituais”, detalha Camargo.

Sempre preparado para oferecer o que há de mais moderno em tratamentos, o Núcleo de Endometriose do Hospital Brasil e seus profissionais contam com tecnologia de ponta em cirurgia videolaparoscópica e robótica. Para junho de 2019, o Hospital Brasil anunciou a inauguração de um Centro Médico exclusivamente dedicado ao tratamento de endometriose, com consultórios e equipamentos modernos de medicina diagnóstica, que vão aprimorar ainda mais a detecção e tratamento da patologia. O novo Centro Médico estará sob o comando de uma equipe multiprofissional especializada e referência na região do ABC.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Hospital Brasil oferece núcleo exclusivo dedicado à endometriose"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *