Grupo da Economia Solidária pode produzir alimentos e gerar renda

724 0

Da Redação – “Estamos agarrando a oportunidade com unhas e dentes.” Foi com essa frase que Sandra Regina de Santana resumiu o sentimento das cinco mulheres beneficiadas com a inauguração de cozinha no Espaço Solidário, na terça-feira (22), que fica na área externa da Central de Trabalho e Renda, na Rua Marechal Deodoro, 2.316, Centro de São Bernardo. No local, as participantes do projeto produzem, vendem e aceitam encomendas de alimentos em espaço onde foram investidos cerca de R$ 35 mil para instalação da cozinha.

“Nós representamos milhares de pessoas que têm um sonho, e temos de ter responsabilidade, pois qualquer uma delas gostaria de ter essa oportunidade em espaço como esse, no Centro de São Bernardo”, completou Sandra.

Na inauguração, o secretário de Coordenação Governamental e também responsável pela Pasta de Serviços Urbanos, Tarcisio Secoli, enfatizou o trabalho da Prefeitura na integração de diversos programas, como os de capacitação, de desenvolvimento econômico, reciclagem e inclusão no mercado de trabalho. “Esses projetos viabilizam o crescimento das pessoas que estão dispostas, a partir do próprio conhecimento, gerar renda.”

O projeto faz parte de convênio com o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), por meio da Secretaria Nacional de Economia Solidária (Senaes), no projeto intitulado “Ações integradas para o desenvolvimento da Economia Solidária em São Bernardo do Campo”.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo de São Bernardo, Hitoshi Hyodo, avalia a inauguração da cozinha não apenas como uma cerimônia, mas como o “resultado de um trabalho dessa administração e de uma equipe que se dedicou para chegar a esse empreendimento.”

Além de Sandra Regina, fazem parte do grupo de mulheres empreendedoras que assumiram a cozinha Silvia Salvino, Lucélia Nunes Ferreira, Maria de Fátima Santos Salviano e Maria José Da Silva. Silvia considera como maior vitória “ver as coisas prontas, como resultado do nosso empenho e do nosso trabalho.” As empreendedoras aceitam encomendas pelo telefone 3412-9222 ou 98519-8539 ou 95148-9056, ou diretamente no Espaço Solidário.

A cozinha conta com equipamentos como geladeira, freezer, balança eletrônica, fogão industrial, forno, microprocessador, liquidificador industrial, depurador de ar, forno de micro-ondas, cortador de frios, impressora térmica de etiquetas, armários de parede, pia, mesa de inox, utensílios e jogo de panelas, assadeiras, cumbucas, faqueiro, bolsas térmicas e uniformes.

O Departamento de Empreendedorismo, Trabalho e Renda foi criado em 2009 pela administração do prefeito Luiz Marinho, com o objetivo de criar e preservar postos de trabalho que geram renda às famílias, por meio do fomento às atividades produtivas, ao emprego e trabalho, ligados ao empreendedorismo e ao cooperativismo, tendo em vista o bem-estar econômico e social dos cidadãos e cidadãs.

Serviço – Cia dos Sabores, na Central de Trabalho e Renda – Rua Marechal Deodoro, 2.316, Centro. Informações: 3412-9222 | 98519-8539 | 95148-9056

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Grupo da Economia Solidária pode produzir alimentos e gerar renda"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *