GCM de São Bernardo detém dupla por posse ilegal de aves silvestres

40 0

Indivíduos foram flagrados durante bloqueio de segurança da Operação Toque de Recolher; três aves foram recuperadas

Texto: Daniel Macário – Crédito-foto: Divulgação/PMSBC

Da Redação – A Guarda Civil Municipal de São Bernardo deteve na noite desta segunda-feira (08/03) uma dupla por posse ilegal de aves silvestres. Os indivíduos foram flagrados durante a Operação Toque de Recolher, após serem abordados num bloqueio de segurança. Três aves que estavam escondidas no porta-malas do veículo foram recuperadas durante a ocorrência.

De acordo com GCM, os dois rapazes foram abordados, por volta das 23h, num ponto de bloqueio instalado no cruzamento das avenidas Robert Kennedy e Piraporinha. Durante a ação da guarda, a dupla justificou que estava a caminho de uma farmácia. No entanto, em busca realizada pelos guardas municipais no interior do veículo foi constatada a presença de três gaiolas na parte traseira do carro, com aves silvestres das espécies coleiro baiano, sabiá-laranjeira e papa-capim.

Questionados sobre a origem das aves, um dos rapazes informou que um primo havia se mudado para a Bahia e que estava levando as aves para casa, porém não apresentou nenhuma documentação para comprovar a regularidade dos animais.

Após constatar a irregularidade, a Guarda Civil Municipal deteve a dupla e encaminhou os dois indivíduos para o 3º Distrito Policial de São Bernardo, onde ambos ficaram à disposição da Justiça. As três aves, por sua vez, foram recuperadas e encaminhadas a Guarda Ambiental de São Bernardo.

DEMAIS OCORRÊNCIAS – Ainda durante a Operação Toque de Recolher, a Guarda Civil Municipal dispersou duas ocorrências de aglomerações em vias públicas. Outros 911 veículos foram abordados pelas forças policiais em barreiras sanitárias.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "GCM de São Bernardo detém dupla por posse ilegal de aves silvestres"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *