Fundo Social de São Caetano qualifica alunos e cria empreendedores

2358 0

Da Redação – Prestar assistência a moradores carentes e apoio a entidades de ação social são dois aspectos importantes da atuação do Fundo Social de Solidariedade de São Caetano do Sul. Mas, quando fala do trabalho realizado pela entidade, sua presidente, Denise Auricchio, nunca deixa de salientar uma terceira e igualmente importante forma de atuação: “Faz parte de nossas atribuições a inclusão social, por meio da recolocação no mercado de trabalho”, destaca.

Dois exemplos recentes mostram que o Fundo Social de Solidariedade está no caminho certo. Na próxima quarta-feira (20/12) será inaugurada a Essência Artesanal Bakery, na rua Venceslau Brás, 359, Bairro Santa Paula. A nova patisserie da cidade, criada por

Lucas de Oliveira Alves, 20 anos, e sua mãe Ligia de Oliveira Alves, 45, nasceu depois que eles fizeram o curso de Tortas e Salgados do Fundo Social. “Nossa patisserie terá receitas de doces e salgados e, com certeza, iremos utilizar muito os aprendizados que tivemos com o curso. Em 2018 eu e meu irmão Levi vamos fazer os cursos de Bolos e Doces e Reutilização de Alimentos”, ressaltou Lucas.

Outro exemplo de qualificação profissional que resultou em entrada no mercado de trabalho é o de Gabriela Troian dos Santos, 35 anos, que mora no Bairro Mauá há um ano. Gaúcha, Gabriela veio para São Caetano do Sul acompanhando o marido, transferido para uma multinacional no ABC. Desempregada, procurou o Fundo Social para fazer o curso de manicure no primeiro semestre deste ano e, no segundo semestre, fez o de Designer de Sobrancelhas e Maquiagem, o que a ajudou a trabalhar na área. “Recebi atenção do Fundo Social de São Caetano no momento em que eu mais precisava. Acredito que o verdadeiro trabalho de uma entidade como o Fundo Social é esse que é realizado aqui na cidade: além do assistencialismo, eles também oferecem novas oportunidades no mercado de trabalho. Pretendo montar meu próprio salão de beleza”, disse Gabriela.

FUNDO SOCIAL EM 2017 – Em 2017, o Fundo Social de Solidariedade formou 800 alunos, sendo 420 no primeiro semestre e 380 no segundo. A entidade ofereceu 27 cursos de qualificação profissional nas áreas de Gastronomia, com 88 turmas, pela manhã e à tarde. Dois desses cursos foram realizados fora da sede do FSS: Bolos, Doces, Tortas e Salgados, no Lar Menino Jesus, no Jardim São Caetano e Culinária na Igreja Batista da Vila Gerti, no Bairro Nova Gerty.

Neste ano, o FSS também realizou projetos de inclusão social em parceria com a Sedef (Secretaria de Direitos da Pessoa com Deficiência ou Mobilidade Reduzida) e palestras sobre MEI (Micro Empreendedor Individual) para seus alunos, em parceria com a Sedeti (Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo, Tecnologia e Inovação).

Foram realizados, também, alguns projetos inovadores, como a criação da Lojinha Solidária, espaço para exposição de mais de três mil peças de roupas doadas à Campanha do Agasalho e dos brinquedos arrecadados para a Campanha do Dia da Criança. As famílias cadastradas nos programas sociais Renda Cidadã, do Governo Estadual, e Bolsa Família, do Governo Federal, tiveram a oportunidade de escolher, na Lojinha Solidária, os itens de que necessitavam.

Além disso, foram atendidas nas Campanhas do Agasalho e do Dia da Criança 1.200 famílias cadastradas nos programas sociais Renda Cidadã (estadual) e Bolsa Família (federal). Na Campanha do Agasalho foram oferecidas mais de 7 mil peças e na semana do Dia da Criança foram mais de 3 mil brinquedos, ambos na Lojinha Solidária. A primeira ação da primeira dama no Fundo Social em 2018 será a abertura do Curso de Verão, com sanduíches naturais.

CURSOS – O Fundo Social de Solidariedade oferece os seguintes cursos:
· Estética: Maquiagem Profissional, Design de Sobrancelhas, Manicure, Massagem;
· Gastronomia: Bartender, Barista, Panificação, Bolos e Doces, Tortas e Salgados, Comidas Orientais, Garçom;
· Artesanato em geral: Cartonagem, Artesanato de Natal, Texturização de Paredes, Pintura em Baixo Esmalte, Restauração de Móveis, Pintura em Tela, Macramê, Patchwork embutido, Patchwork Puro, Corte e Costura, Patch Apliqué, Bonecas de Pano, Mosaico, Pintura em Tecido, Encadernação.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Fundo Social de São Caetano qualifica alunos e cria empreendedores"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *