Escola de São Bernardo é vencedora do Prêmio Itaú-Unicef

572 0

Da Redação – Com o foco na aprendizagem que transforma, no acolhimento às comunidades carentes e, principalmente, na formação integral do aluno, a Escola Municipal de Educação Básica (Emeb) Edson Danillo Dotto, no Parque Selecta, alcançou reconhecimento nacional.

O projeto ‘Preservando a Vida’, desenvolvido na unidade, foi vencedora da 11ª edição do Prêmio Itaú-Unicef na categoria regional e recebeu menção honrosa nacionalmente, ao concorrer com 1.947 trabalhos de todo o Brasil. O prêmio Itaú-Unicef destaca projetos socioeducativos que incentivam o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes.

O projeto ‘Preservando a Vida’, realizado em parceria com a ONG Núcleo de Apoio ao Pequeno Cidadão, está inserido no programa ‘Tempo de Escola’, da Prefeitura de São Bernardo, que promove atividades no contraturno escolar. Na Emeb, os alunos dos 4º e 5º anos do Ensino Fundamental participam de oficinas de skate, arte, dança e rádio. Essa última atividade rendeu prêmio à parte, pela Fundação Volkswagen.

Além dos títulos concedidos pelo Itaú-Unicef, a instituição contemplou a escola com premiação de R$ 25 mil, que será aplicado em projetos sociais. A Emeb tem cerca de 900 alunos, 180 dos quais fazem parte do programa extracurricular. Receber o prêmio foi uma coroação do trabalho desenvolvido na escola, que está distante do Centro da cidade cerca de 12 quilômetros e atende crianças de comunidades carentes. “É um reconhecimento, uma valorização das boas iniciativas e eleva a autoestima do aluno. Eles mudam suas atitudes, têm mais disciplina, liderança, desenvoltura, organização pessoal e se sentem capazes de mudar a realidade em que vivem”, disse a vice-diretora, Valquiria Martinez Boy.

Para ela, ter o ‘Tempo de Escola’ é uma oportunidade para atender com ainda mais qualidade as necessidades das crianças, em especial aquelas em situação de risco. “Com o programa, depois das aulas do período regular, os alunos permanecem na escola por mais tempo, almoçam e fazem as atividades. Em geral são crianças que ficam em casa enquanto os pais trabalham”, explica.

Conforme explicou Valquiria, as atividades contribuem para desenvolver o potencial dos alunos. Um dos indicadores que comprova o aproveitamento é o Índice de Desenvolvimento de Educação Básica (Ideb) da escola. Segundo ela, é de 6.4, acima da média nacional, de 6.0, e o oitavo entre a rede municipal de São Bernardo.

Rádio – A parceria mantida pela Prefeitura com a ONG, desde 2010, é fundamental para o bom resultado dos trabalhos, de acordo com a vice-diretora. A instituição levou para a escola a ideia de desenvolver uma oficina de rádio. “Conversamos e identificamos que a atividade seria uma ferramenta importante para potencializar a leitura e escrita”, disse a presidente da ONG, Sara Ferreira das Neves e Silva. “Dito e feito”, completou Valquiria. A Oficina Rádio ganhou outro prêmio, concedido pela Fundação Volkswagen.

Para desenvolver o programa, os alunos discutem o conteúdo em rodas de conversa. Todos os participantes opinam e, juntos, tomam decisões, que são registradas. Na etapa seguinte pesquisam o tema, elaboram perguntas e saem a campo para entrevistar pessoas do bairro.

Um dos alunos, Victor Daivid da Silva Lima, 10 anos, tem consciência do trabalho que realiza. “Acho muito legal porque aprendi a entrevistar, a falar melhor na escola. Eu acho que aprendo mais e também consigo ajudar as pessoas. Nossas ideias são criativas e até ajudamos as pessoas quando falamos, por exemplo, sobre a importância de economizar água”, comentou.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Escola de São Bernardo é vencedora do Prêmio Itaú-Unicef"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *