Escola da Moda vai chegar a mais regiões em Santo André

200 0

Da Redação – Parceria firmada entre a Prefeitura e o Governo do Estado vai permitir a ampliação das atividades da Escola da Moda, que não terá mais aulas somente no Fundo Social de Solidariedade, mas também em outras cinco regiões de Santo André. O prefeito Paulo Serra e a primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade de Santo André, Ana Carolina Barreto Serra, estiveram nesta segunda-feira (19) no Palácio dos Bandeirantes para assinar o convênio. O período de inscrições e os novos locais serão divulgados em breve.

Durante o evento, o prefeito Paulo Serra foi convidado a discursar, representando todos os prefeitos presentes. “É um orgulho muito grande hoje estar representando os prefeitos. Vamos usufruir desse recurso da melhor forma possível, porque tratar o dinheiro público com maior zelo, com maior cuidado possível é importante, mas tão importante quanto isso é dar continuidade ao uso do dinheiro público e nada melhor do que a capacitação profissional, para que a cidade volte a crescer e gerar emprego e renda, e faça com que as pessoas voltem a ter sua independência”, afirmou.

A parceria prevê que Santo André receba cinco novos kits de costura, que permitirão a ampliação do curso de moda para cinco regiões da cidade. Cada kit é composto por três máquinas de costura do tipo reta e uma overloque industrial, além de 200 metros de tecidos. O total de investimentos é de R$ 20,8 mil. As novas unidades da Escola da Moda vão funcionar em CRAS (Centros de Referência de Assistência Social) e entidades assistenciais do município.

“Esta é mais uma etapa que contribui com o crescimento do Fundo Social de Solidariedade de Santo André, que graças ao apoio do Governo do Estado terá mais cinco unidades de Escola da Moda, que serão utilizadas nos Centros de Referencia de Assistência Social (CRAS) e também em entidades assistenciais do município, para formação de novos professores e capacitação de mais munícipes, além dos que estão participando das aulas no Fundo Social. É uma abrangência maior na aula de corte e costura, para capacitar ainda mais pessoas de forma descentralizada”, afirmou a primeira-dama Ana Carolina Barreto Serra.

Ao todo, 112 cidades paulistas foram contempladas nesta segunda-feira, na cerimônia no Palácio dos Bandeirantes. Somente em março, a Secretaria Estadual da Fazenda destinou R$ 579 mil para o Fundo Social de Solidariedade do Estado para a compra de 139 kits de costura e criação de novas Escolas de Moda em diversos municípios. Deste total, cinco foram destinados para Santo André.

A Escola da Moda iniciou suas aulas na sede do Fundo Social de Solidariedade de Santo André no dia 15 de janeiro e até o momento já capacitou 27 pessoas. O curso é composto por aulas de Corte e Costura, Modelagem, Bordado em Linha, Crochê e Cartonagem e Bordado em Pedraria, para homens e mulheres que residam em Santo André e tenham mais de 16 anos.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Escola da Moda vai chegar a mais regiões em Santo André"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *