Endividados devem procurar negociar suas dívidas nas próprias agências bancárias

431 0

A partir desta segunda-feira e até a próxima sexta-feira (6), os bancos estarão recalculando a dívida e oferendo alternativas aos clientes para a quitação

Mari Tavares – Começou nesta segunda-feira e vai até sexta-feira (6) o mutirão de Negociação e Orientação Financeira em todo o país. A iniciativa é do Banco Central e da Federação Brasileira dos Bancos (Febraban).

Durante toda a semana, grande parte das agências bancárias do país, de sete instituições financeiras (Banco do Brasil, Banrisul, Bradesco, Banco Pan, Caixa Econômica, Itaú e Santander) funcionarão até as 20h, oferecendo orientação financeira e também negociando dívidas em atraso de clientes.

Os interessados ainda poderão participar através dos canais digitais das instituições e pela plataforma consumidor.gov.br e no Site Papo Reto da Febraban. Para os clientes dos Bancos Votorantim e Safra as negociações só poderão ser feitas nos canais digitais.

Bancos lideram com clientes endividados

Os bancos estão na liderança quando se fala em endividamento de clientes. Segundo dados da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), 53% das dívidas em aberto no país são de clientes de instituições financeiras.

O comércio ficou em segundo com 17%. Outros 12% são relativas às empresas de comunicações e fornecedoras de água e luz, com 10% de inadimplentes.

Prazos diferenciados

Cada banco terá sua forma particular de negociação, e aqui destacamos, até como forma de incentivo, o caso do Banco do Brasil. Os devedores do BB, por exemplo, terão descontos de até 92% na liquidação de dívidas, e mais prazos que podem chegar a 120 meses para quitação, além de oferecer 180 dias de carência.

Total 3 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Endividados devem procurar negociar suas dívidas nas próprias agências bancárias"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *