EDITORIAL – O Brasil agoniza

1161 0

Não sei até onde nosso querido Brasil vai aguentar tantas catástrofes no dia a dia  da vida política. Quando Pedro Álvares Cabral chega ao Brasil em 22 de abril de 1500, a idade média já havia terminado há sete anos, portanto não tivemos idade média, mas, por incrível que pareça, o Brasil nunca saiu da Idade Média.

O nosso sistema político mantém o senhor feudal e seus suseranos, a política de assistencialismo, o coronelismo na política, a submissão do suserano e a imposição do senhor feudal para satisfazer seu mandonismo e suas vaidades.

Pelo poder faz-se tudo, interpreta, finge de bom moço, reza em público, bate no peito, faz contrição, desde que o povo esteja vendo para, em seguida, dar o golpe e assaltar o ignorante. O povo vive na esperança do salvador da pátria, ele sempre surge com novas promessas. Tudo será resolvido, mas o futuro nunca chega e o país afunda nas suas mazelas cada vez mais.

Os partidos políticos, feudos ávidos por dinheiro do fundo partidário que distribui recursos para partidos que sustentam parasitas em todos os municípios do território nacional, num treinamento intensivo de como assaltar a pobre nação. Em câmaras municipais, vereadores em nome do povo, nas reuniões, comissões, dividem o que é furtado do povo que sempre acredita que a situação irá melhorar.

O volume da corrupção vai aumentando geometricamente, não há recursos para a saúde, para a educação, para o transporte, para a infraestrutura, mas sobra dinheiro no bolso dos corruptos. O país está atravessando uma crise sem precedentes. Fala-se em golpe, mas o verdadeiro golpe é contra o povo. Os partidos podres, todos se juntam numa sistematização criminosa que dá inveja às maiores organizações de todos os tempos.

A lama que devastou Mariana é coisa mínima diante da lama que inunda o país, Brasília é um valhacouto de bandidos de gravata numa solidariedade mútua, num corporativismo vergonhoso corroendo os recursos do país. Se o povo não acordar e, nas próximas eleições, não mandar esses ladrões disfarçados de políticos para casa com seu voto legítimo, o país não sairá desse lamaçal.

Hoje a população está estarrecida com tudo que se vê em Brasília, todavia é bom lembrar que nós, a população, temos muita culpa.  O povo idolatra ladrões, vai às ruas gritar em defesa de criminosos, todavia é preciso ir às ruas gritar para prender ladrões e salvar o pobre país.

Apesar das frustrações, acho que podemos e devemos aprender com os erros e melhorar a nossa consciência para uma escolha adequada dos candidatos que  irão dirigir os destinos da pátria. É preciso urgentemente pôr um fim nessa quadrilha que está matando nosso pobre país.

É PRECISO TIRAR O BRASIL DA UTI!

(Professor Osmar Junqueira Lins)

Total 2 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "EDITORIAL – O Brasil agoniza"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *