Dom Pedro pede que Igreja imite o Cristo humilde que vence o mal com o bem

89 0

Crédito-foto: Fernanda Minichello/ Pascom Diocesana

Da Redação – “Imitemos o Cristo humilde que serve, não violento, que se coloca à disposição de Deus e dos irmãos para vencer o mal fazendo o bem por amor. O que Jesus nos diz em meio à tragédia que vivemos? O que podemos esperar? O que podemos aprender? Jesus nos diz que é para estarmos com Ele neste momento. Sempre devemos estar com Cristo, mas mais do que tudo, nesse momento da sua paixão e da paixão da humanidade, unamo-nos a Ele.”

Iniciando a Semana Santa com a Missa do Domingo de Ramos realizada na manhã de hoje (28/03), na Catedral Nossa Senhora do Carmo, na cidade andreense, o bispo da Diocese de Santo André, Dom Pedro Carlos Cipollini, citou os gestos de amor e de humildade praticados por Jesus Cristo como a referência para cultivar a esperança e exercer a caridade em prol do próximo nestes tempos de pandemia.

A celebração, que contou com as participações do pároco da catedral, Pe. Joel Nery, e do secretário episcopal, Pe. Camilo Gonçalves de Lima, ocorreu apenas por meio de transmissão online e sem a presença de fiéis (em razão das medidas restritivas da fase emergencial implementadas pelo Governo do Estado de SP e do comunicado diocesano que suspendem atividades e celebrações religiosas com o povo).

“Estamos no segundo ano desta pandemia, sem poder celebrarmos a Semana Santa como prescreve os nossos rituais, e também o nosso coração. Mas vamos em frente com muita fé, sabendo que Deus toma conta de tudo, Na sua sabedoria infinita, Ele tudo dispõe e Ele sabe tudo. Dará a cada um o prêmio, dará a cada um conforme as suas obras, como está escrito na bíblia. Que nossas obras sejam de fé, de esperança e de caridade. E que a solidariedade possa neste tempo, confortar o coração de todos”, reflete Dom Pedro.

Missa Crismal

Celebração também conhecida como a Missa dos Santos Óleos que reúne todo o clero formado pelo bispo, sacerdotes e diáconos, a Missa Crismal que ocorreria no dia 1º de abril (quinta), foi adiada em razão da pandemia, cuja nova data será divulgada em breve. 

“Peço a todos os padres que mesmo neste sofrimento continuem firmes dando esperança ao povo com sua presença. Mesmo antes da pandemia, sempre disse que o maior presente do padre para o seu rebanho é a sua presença. Isso nós podemos fazer, mesmo não podendo celebrar presencialmente, o povo sabe que o pastor está ali junto ao rebanho, já é um grande sinal de amor de Cristo, o Bom Pastor, para com seu povo. 

Programação da Semana Santa

As celebrações abaixo serão transmitidas pelas mídias diocesanas: Facebook e YouTube.

31 de março – 18h: Quarta-feira Santa com a Celebração do Encontro de Jesus e Maria (com padres Jackson e Rogério)

1º de abril – 18h: Quinta-feira Santa com a Missa da Ceia do Senhor (com Dom Pedro Carlos Cipollini); a Missa Crismal, que aconteceria neste dia, foi adiada

2 de abril – 15h: Sexta-feira Santa com a Celebração da Paixão do Senhor (com Dom Pedro Carlos Cipollini); 18h: Sermão das Sete Palavras (com Dom Pedro e Pe. Joel Nery)

3 de abril – 18h: Sábado Santo com a Vigília Pascal (com Dom Pedro Carlos Cipollini)

4 de abril – 11h: Domingo com a Missa da Páscoa do Senhor (com Dom Pedro Carlos Cipollini)

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Dom Pedro pede que Igreja imite o Cristo humilde que vence o mal com o bem"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *