Diadema dá dica a munícipes para as despesas de final de ano

527 0

Da Redação – O começo do ano é basicamente igual. Roupas brancas, verão, viagem e novas contas. Para garantir o orçamento do restante do ano, é importante ficar atento nas dívidas desde agora. Saber administrar o dinheiro no final do ano pode significar um período mais confortável nos próximos meses.

Por isso, Michel Ito, diretor da Secretaria de Finanças, orienta a população para alguns cuidados que podem resultar em poupança para toda família, além de manter os pagamentos em dia. “Já são conhecidas as despesas adicionais do começo do ano. Por isso, é bom fazer sempre uma reserva durante o ano todo para garantir o pagamento dessas despesas em janeiro”, comenta.

Fazer uma lista dos ganhos e das despesas e avaliar a situação para saber se família pode ou não fazer novas dívidas sempre é um bom começo. Envolva todos os integrantes da família, inclusive as crianças para discutir, dar ideias e se comprometer, especialmente com aquilo que todos poderão economizar.

A partir dessa lista, identifique as despesas fixas e estabeleça os objetivos do ano. Os economistas alertam que essas contas, como aluguel, plano de saúde e mensalidade escolar, não podem ultrapassar 50% do rendimento e o ideal é que fique em torno de 30%. Sempre que possível compre à vista evitando dívidas. Caso necessário, financie, mas consulte as possibilidades de parcelamento, as diversas taxas de juros e promoções. É importante também evitar ao máximo o cheque especial.

Estabelecendo seus objetivos, comece um plano de poupança, reservando os recursos para seus projetos de médio e longo prazo, como a compra de um carro, financiamento ou reforma de uma casa, educação para os filhos ou uma viagem.  É importante que uma parte de seus recursos seja também destinado ao lazer, especialmente com sua família, seja uma grande viagem ou pequenos passeios na própria cidade.

Periodicamente, elimine o que já foi conquistado e repense seus objetivos e, se necessário, mude-os. Não faz sentindo economizar para um projeto que você não quer mais.

Final de Ano – As compras de Natal também precisam ser planejadas. Comprar na última hora significa encontrar lojas cheias e produtos mais caros ou faltando. Faça uma lista de presentes e pesquise o menor preço, sem comprar por impulso. Ao entrar em uma loja, busque exclusivamente o que está na sua programação. Observe as ofertas, promoções, produtos similares, mas apenas para eventualmente substituir algum item da sua lista. Não compre além daquilo que estiver planejado por mais tentadora que possa parecer a promoção. Isso pode custar o desequilíbrio de suas contas por um longo período e o cancelamento de outros projetos.

Aqueles que recebem o 13º tem uma vantagem sobre prestadores de serviços, autônomos e freelancers por exemplo, e é importante que reservem uma parte desse benefício para o pagamento das despesas do inicio do ano, com IPVA, IPTU, matrícula e material escolar. Ao fazer seu planejamento para o próximo ano, procure destinar, mensalmente, uma parcela para esses gastos, assim, quando receber o 13º, poderá usar para outras despesas, criando um fôlego nas suas finanças.

Tente antecipar as compras de material escolar para dezembro, pois em janeiro, a tendência é o aumento de preços devido à demanda. Também é interessante conhecer outros pais para aumentar o volume de compras e negociar desconto com os lojistas.

Também é possível diminuir as contas fixas da casa, como água, luz e combustível, por exemplo. Gestos simples, como fechar a torneira enquanto escova os dentes e apagar a luz quando sair de um cômodo, geram mudanças significativas no boleto do final do mês, além de economizar água e colaborar com o meio ambiente.

A participação de toda família é fundamental. Se cada um fizer um pouco, a economia no final do mês será maior. Outra ação que ajuda a combater os gastos é a carona. Combinar com colegas do trabalho que moram próximos quem vai ser o motorista da semana ou mês e dividir o combustível gera economia para todos do grupo. O dinheiro economizado pode ser guardado em uma poupança, assim, rende mais com os juros. No futuro, o montante pode comprar a viagem dos sonhos ou a entrada em uma casa nova.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Diadema dá dica a munícipes para as despesas de final de ano"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *