Consórcio apresenta demandas regionais na retomada do Gamesp

303 0

Da Redação – Na retomada dos trabalhos no Gabinete Metropolitano de Gestão Estratégica de Segurança Pública da Região Metropolitana de São Paulo (Gamesp) Sub-região Sudeste, o presidente do Consórcio Intermunicipal Grande ABC e prefeito de São Bernardo do Campo, Orlando Morando, apresentou demandas da região para a área ao secretário estadual da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho.

O relançamento do grupo ocorreu nesta terça-feira (8), no Salão Nobre do Paço Municipal de São Bernardo. O evento contou com as presenças dos prefeitos Adler Teixeira (Kiko), de Ribeirão Pires, e Gabriel Maranhão, de Rio Grande da Serra.

“O Gamesp pode colaborar muito no combate à violência, graças à integração entre as ações das Polícias Militar e Civil, Guardas Civis Municipais, órgãos de inteligência e da Polícia Federal. Com o gabinete criado, constituído e funcionando, podemos pautar melhor todos os assuntos relacionados à Segurança Pública”, afirmou Orlando Morando, ressaltando que o relançamento do grupo foi uma das pautas levadas ao Governo do Estado pelos atuais prefeitos.

Durante a reunião, Mágino Alves apresentou estatísticas do Governo do Estado e apontou o investimento nas forças policiais como fator para a redução da ocorrência de crimes. O secretário estadual disse também que cada região tem uma demanda criminal específica. No caso do ABC, listou como os maiores problemas os roubos de cargas e os crimes sexuais, mas destacou a queda dos homicídios e do roubo e furto de veículos. “Quero voltar à região e ver os indicadores todos positivos”, afirmou Mágino Alves.

O presidente do Consórcio apresentou como demanda regional a digitalização e integração dos sistemas de radiocomunicação das Guardas Civis Municipais (GCMs) do ABC. Para Morando, o objetivo da entidade é se antecipar ao desligamento do sistema analógico, previsto para 2018.

Mágino Alves afirmou que o Estado já está realizando a substituição de equipamentos, mas ainda existem áreas utilizando a rede analógica. “Tenho certeza, como se trata de uma ação global de segurança, que vamos contar com o apoio do Governo Federal e com recursos do Governo do Estado para solucionar este problema”, declarou o secretário estadual.

Veículos e equipamentos – Outra demanda apresentada ao secretário Estadual da Segurança por Morando foi a renovação das frotas das GCMs, consideradas antiquadas pelo prefeito. “Ainda temos alguns veículos do modelo Parati, que não é fabricado pela Volkswagen há cerca de 15 anos. Temos até Kombi. Precisamos modernizar isso”, explicou Morando.

O pedido é justificado pelo fato de o Estado conseguir isenção do Imposto do Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) na compra de veículos. Mágino Alves afirmou que existe uma possibilidade de que esses convênios ocorram  a partir de 2018, já que tramita na Assembleia Legislativa de São Paulo um projeto dispondo sobre o tema.

O presidente do Consórcio também sugeriu a possibilidade de estabelecer um convênio para que as armas e munições trocadas anualmente pelas polícias Civil e Militar – cerca de mil pistolas – possam reforçar a atuação das GCMs dos municípios no combate à criminalidade. Mágino Alves afirmou não ver impedimento para a doação, desde que os guardas civis recebam treinamento específico em local apropriado para o correto manuseio.

Além de oferecer o Centro Regional de Formação em Segurança Urbana (CRFSU), mantido pelo Consórcio, Morando destacou que a questão passa por uma mobilização. “Vamos levar o pleito à Comissão de Segurança da Câmara Federal para viabilizar a doação dos equipamentos e a capacitação dos GCMs”.

Para o subsecretário estadual de Assuntos Metropolitanos, Edmur Mesquita, a retomada dos trabalhos do Gamesp representa o resgate da prática de políticas públicas, dentro de uma visão de integração. “Um espírito de cooperação, de não olhar apenas a árvore, mas praticar um novo olhar sobre toda a floresta”, destacou.

Total 1 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Consórcio apresenta demandas regionais na retomada do Gamesp"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *