Comcipas debate ações do Fundo Social de Solidariedade de SCS

88 0

Texto: Mark Ribeiro – Fotos: Letícia Teixeira / PMSCS

Da Redação – As ações transformadoras do Fundo Social de Solidariedade de São Caetano do Sul foi o tema da reunião ordinária do Comcipas (Conselho Municipal de Cidadania e Participação Social). Representantes de todas as instituições que compõem o colegiado compareceram ao ato, realizado pela primeira vez na sede da entidade solidária, na noite de segunda-feira (3/6).

A primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Denise Auricchio, fez minuciosa apresentação das diversas ações promovidas pela entidade. Destaque para os 34 cursos profissionalizantes nas áreas de Artesanato, Estética, Gastronomia e Construção Civil. Milhares de pessoas já passaram pelas capacitações, que duram de 3 a 9 meses.

O caráter transformador do Fundo Social começou a ser implantado por Denise na entidade em 2005. “Antes era um espaço de assistência. Mas queríamos mais do que isso. Implantamos as ações de acolhimento e, em especial, as capacitações, que dão oportunidades para que as pessoas se recoloquem no mercado de trabalho. Essa é a nossa maior motivação”, afirmou Denise.

A presidente do Fundo destacou também o suporte social às famílias e às entidades do terceiro setor. “Fazemos uma ligação carinhosa do munícipe com a Prefeitura. Às vezes o morador chega um pouco perdido, mas sempre sai com uma referência de oportunidade.”

Durante a explanação, Denise anunciou duas grandes novidades. A primeira delas, o lançamento da Campanha Elas por Elas, de combate e prevenção ao câncer de mama, nesta quarta-feira (5/6), às 19h, no Cecape (Centro de Capacitação dos Profissionais da Educação) Dra. Zilda Arns (Rua Tapajós, 300, Bairro Barcelona).

E, por último, a proposta de criação do Banco de Alimentos, inédito em São Caetano, para captar produtos dentro do prazo de validade e repassar às instituições cadastradas. O projeto de lei será enviado em breve para a Câmara Municipal para a análise dos vereadores.

“Temos que ser a caixa de ressonância dos serviços transformadores do Fundo Social de Solidariedade”, ressaltou o secretário executivo do Comcipas, Elísio Peixoto, citando ainda o fato histórico de a reunião do bloco ter sido realizada pela primeira vez na entidade solidária. O chefe de Gabinete, Bruno Vassari, representou o prefeito José Auricchio Júnior no ato.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Comcipas debate ações do Fundo Social de Solidariedade de SCS"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *