Cogeração foi a pauta da reunião da Frente Parlamentar em Apoio a Exploração do Gás Natural

822 0

Da Redação – Eficiência e Segurança Energética foi a pauta da reunião da Frente Parlamentar em Apoio a Exploração do Gás Natural no Estado de São Paulo, coordenada por Orlando Morando (PSDB), na última quinta-feira (19), no Plenário Tiradentes, na Assembleia Legislativa. A Frente Parlamentar abriu espaço para que representantes dos diversos setores e do governo estadual pudessem expressar como veem o setor e suas perspectivas para o futuro.

O Estado de SP teve um papel muito importante na introdução do Gás Natural em suas indústrias nas últimas décadas. Enquanto o Brasil nos últimos 15 anos substituiu 50% de seu óleo combustível, a Indústria de SP, substituiu cerca de 90% (fonte ANP), o que é um número muito significativo, já que somos os maiores consumidores. Essa redução é importante não somente para fomentar a indústria do gás, mas também como um grande mecanismo de redução de CO2, um dos principais gases do Efeito Estufa.

Além disso, o Gás Natural no Estado de SP teve significativos crescimentos em outros segmentos:
No comércio: substituindo o GLP, mais poluente e menos seguro que o gás canalizado.
Nas residências: substituindo o chuveiro, maior vilão das contas de energia elétrica das famílias.
No Veicular: gerando economia próximo de 50% aos seus usuários.

Apesar desses números significativos, o Gás Natural tem potencial para ampliar sua participação na matriz energética do Estado, sobretudo por meio da Cogeração e Geração de Energia, para os mais diversos segmentos e setores da sociedade.

“Em um momento extremamente crítico para o setor elétrico brasileiro, tanto do ponto de vista de custos, quanto de confiabilidade no suprimento, o Gás Natural se apresenta como uma solução competitiva, segura e com baixo impacto ambiental. Hoje, no Estado de São Paulo, somos importadores de energia elétrica, mas São Paulo tem disponibilidade de gás natural suficiente para minimizar cada vez mais essa dependência, desde que consiga combinar os projetos de geração distribuída, cogeração e geração de ponta, trazendo, além de benefícios fiscais para o Estado, mais segurança energética, competitividade na indústria e desenvolvimento para sua população”, explicou o deputado Orlando Morando.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Cogeração foi a pauta da reunião da Frente Parlamentar em Apoio a Exploração do Gás Natural"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *