Cia de Danças de Diadema leva espetáculos a Praia Grande e Itatiba

388 0

Da Redação – Premiada e atuante no Brasil e no exterior, a Companhia de Danças de Diadema – que está completando 24 anos, em maio – segue em circulação por cidades do interior de São Paulo com o projeto Fluxo & Reflexo. Em junho, a Cia leva o Projeto Fluxo e Refluxo à Praia Grande e à Itatiba.

A programação é formada por dois espetáculos de seu repertório – EU por detrás de MIM e Força Fluída -, além do workshop Fluxo & Reflexo. Tanto os ingressos quanto as inscrições são grátis. Após cada sessão, acontece um bate-papo com a plateia.

A Companhia de Danças de Diadema permanece por dois dias em cada cidade. No primeiro dia, a atração é a premiada montagem EU por detrás de MIM (coreografia de Ana Bottosso – prêmios APCA e Governador do Estado de São Paulo). No segundo, a companhia ministra o workshop Fluxo & Refluxo, à tarde, e apresenta a Força Fluída (coreografia de Jaeduk Kim), à noite.

Após a parada em Mogi das Cruzes, o projeto Fluxo e Reflexo segue para Praia Grande (6 e 7 de junho) e Itatiba (8 e 9 de junho). A primeira cidade a ser contemplada foi Rio Grande da Serra, seguida por Caraguatatuba e Pirassununga.

Fluxo & Reflexo busca expor, por meio de obras distintas e de diferentes coreógrafos, a alta performance e versatilidade dos artistas da Companhia, ora no vigor visceral dos corpos, ora na carga dramatúrgica tão visceral da subjetividade da dança contemporânea.  Com essas recentes e premiadas obras o grupo mostra a flexibilidade de interpretação de seus artistas e estimula a motivação às plateias de dança com apresentações, workshops e conversas com o público. O projeto traz atividades que enfatizam o modo de trabalhar o corpo na cena e a visão artística sobre a linguagem da dança, desenvolvida pela Companhia de Danças de Diadema.

Este projeto tem incentivo da Secretaria de Estado da Cultura de SP por meio do Concurso de Apoio a Projetos de Circulação de Espetáculo de Dança no Estado de São Paulo.

EU por detrás de MIM

A montagem EU por detrás de MIM (2017), que tem concepção, direção e coreografia assinadas por Ana Bottosso, foi inspirada em obras do artista visual dinamarquês Olafur Eliasson e no conto O Espelho, de Guimarães Rosa. Encontrar-se, perder-se, acreditar na imagem que lhe é refletida ao se deparar com os espelhos pode ser um profundo engano, mas como saber? Mergulhar em um mundo de reflexos, complexos, com nexos ou desconexos pode ser uma viagem sem volta.

Transitando pelos meandros dos reflexos e das reflexões, Bottosso imaginou um universo por detrás dos espelhos, um mundo além  do que conhecemos, para conceber a coreografia, em conjunto com o elenco da Companhia. A trilha sonora, especialmente criada por Fábio Cardia, faz uma analogia dos reflexos sonoros.

Desde o primeiro contato com Olafur Eliasson na exposição Seu Corpo da Obra, em 2012, Ana sentiu-se motivada a criar algo que tratasse dos espelhos e seus reflexos. “As situações espaciais provocadas pelos espelhos eram de profunda ambiguidade sobre o dentro e o fora. Isto veio para o corpo, traduzido pela dança”, comenta. O prorcesso recebeu também influências do conto O Espelho, de Guimarães Rosa, que apresenta uma inquieta personagem e a descoberta de sua essência.

Força Fluída

Com coreografia assinada pelo sul-coreano Jaeduk Kim e direção geral de Ana Bottosso, Força Fluída estreou em 2017. O espetáculo harmoniza força e delicadeza em movimentos inspirados na cultura ancestral oriental pelo viés contemporâneo de Jaeduk. Artista de múltiplas facetas, o coreógrafo criou a trilha sonora baseada em cânticos de sua tradição oriental, utilizando a sonoridade de instrumentos típicos de sua cultura e voz monocórdia. A coreografia transita pelo minimalismo dos movimentos que dialogam com a música, com os sons, ora expressando-se com a força de um guerreiro, ora com a delicadeza de uma folha caindo no outono. Esses e demais elementos da ancestral cultura oriental se encontram na obra, traduzidos pelo olhar contemporâneo e sensível do criador e dos intérpretes da Companhia, que atuam em Força Fluída.   

Sinopse (por Jaeduk Kim): O fluxo natural vem da natureza. O fluxo da respiração está de acordo com a natureza. Qual é a força que flui…? O que faz o forte fluir…?

Programação – Praia Grande

6/6 (quinta, às 20h30) – espetáculo: EU por detrás de MIM

7/6 (sexta, às 14h) – workshop: Fluxo & Reflexo 7/6

7/6 (sexta, às 20h30) – espetáculo: Força Fluída

Local / espetáculos: Palácio das Artes – Teatro Serafim Gonzales (Av. Pres. Costa e Silva, 1600 – Boqueirão). Grátis.

Local / workshop: Escola Municipal Porto das Artes (Av. São Paulo, 900 – Boqueirão)

Programação – Itatiba

8/6 (sábado, às 20h) – espetáculo: EU por detrás de MIM

9/6 (domingo, às 19h) – espetáculo: Força Fluída

9/6 (domingo, ás 10h) – workshop: Fluxo & Reflexo

Local / espetáculos: Teatro Ralino Zambotto (Rua Romeu Augusto Rela, 1100 – Jardim do Engenho). Grátis.

Local / workshop: Biblioteca Municipal Chico Leme (Rua Campos Sales, 380 – Centro)

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Cia de Danças de Diadema leva espetáculos a Praia Grande e Itatiba"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *