Arteris traz exposição de Picasso ao Brasil

600 0

Da Redação – Depois de Salvador Dalí e Joan Miró, a Arteris, uma das maiores companhias de concessões rodoviárias do país, patrocina agora a exposição de Pablo Picasso. São 153 obras, a grande maioria inédita no Brasil, que retratam a trajetória do artista espanhol. A mostra é fruto de nova parceria com o Instituto Tomie Ohtake e será aberta ao público neste domingo (22), em São Paulo, seguindo para o Rio de Janeiro em agosto.

“É um privilégio para a Arteris poder participar de um projeto como este, apoiando uma das maiores exposições de Picasso, com diversas obras que pela primeira vez estão no país. Pablo Picasso é um dos grandes gênios da história universal da arte, assim como um dos artistas mais influentes no século XX. Promover a cultura e o acesso a grandes nomes da arte mundial é um de nossos objetivos, como parte de nossa estratégia de responsabilidade social”, diz o presidente da Arteris, David Díaz.

No Brasil, só houve uma grande exposição de Picasso em 2004, na Oca, em São Paulo, e outros de seus trabalhos foram vistos em exposições coletivas. Portanto, o conjunto numeroso de obras, quase 90% das quais nunca foram apresentadas no país, torna a mostra uma rara oportunidade para o público brasileiro ter um panorama abrangente das realizações do artista.

“Picasso: mão erudita, olho selvagem” passará por São Paulo e Rio de Janeiro. Com curadoria de Emilia Philippot, curadora também do Musée National Picasso-Paris, a exposição é composta por 153 peças, que traçam um percurso cronológico e temático em torno de conjuntos que seguem as principais fases do artista, desde os anos de formação até os últimos de produção.

Ao todo, são 116 trabalhos do mestre espanhol – 34 pinturas, 42 desenhos, 20 esculturas e 20 gravuras –, além de uma série de 22 fotogramas de André Villers realizados em parceria com Picasso. Completam a mostra, 12 fotografias de autoria de Dora Maar, três de Pirre Manciet e filmes sobre os trabalhos e seus processos de realização.

Condecoração – Antes da abertura ao público, a Arteris promoverá uma avant première no dia 19 de maio. Um dos destaques do evento será a condecoração do presidente do Instituto Tomie Ohtake, Ricardo Ohtake, pela Embaixada da Espanha. Pelo seu trabalho em estreitar os laços do país com o Brasil, além da colaboração com a Abertis, companhia controladora da Arteris, Ohtake receberá comenda pela Orden de Isabel la Católica, distinção também dada a figuras ilustres de diversos países. “É uma honra fazer parte de um momento tão especial. Presenciaremos o reconhecimento internacional a um dos grandes nomes da cultura no Brasil”, ressalta David Diaz.

Serviço – Exposição “Picasso: mão erudita, olho selvagem”, com visitação de 22 de maio a 14 de agosto de 2016, de terça a domingo, das 11h às 20h. Ingressos: R$12,00 e R$6,00 (meia-entrada). (Crianças até 10 anos, cadeirantes e deficientes físicos têm entrada gratuita todos os dias da exposição); às terças-feiras a entrada é gratuita mediante retirada de senhas na bilheteria do Instituto Tomie Ohtake; Compra de ingressos: Online – a partir do dia 09 de maio em www.ingresse.com  Na bilheteria do Instituto – a partir de 22 de maio (de terça a domingo, das 10h às 19h).

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Arteris traz exposição de Picasso ao Brasil"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *