Após estreia apoteótica, festa Se Tem Sol Tem Samba mantém a fórmula

568 0

Da Redação – A estreia da festa “Se Tem Sol tem Samba” foi apoteótica. O fervo teve sua primeira edição chancelada por Hugo Gloss, Kadu Dantas, Bruno Vanes, Carol Machado, Matheus Mazzafera, Fabio Rabello, Caio Soeiro, Abdalla Daichoum, entre outros. A segunda edição da #STSTS mantém a formula com a Banda SambaCana de pagode dos anos 1990, axé de todas as épocas e é claro muito samba e percussão.

Nos intervalos, o DJ Caio Guip tem o desafio de manter a temperatura lá em cima, além da apresentação do grupo de dança Filhos do Sol, conhecidos por épicas tardes no programa Mulheres, da TV Gazeta. “Se Tem Sol tem Samba” vai acontecer em todos os domingos, no bar Disritmia, nos Jardins, até o fim de semana que precede o Carnaval.

Serviço – Festa Se Tem Sol Tem Samba, no bar Disritmia, de 15 de janeiro a 19 de fevereiro de 2017, sempre a partir das 16h, na Disritmia (Rua Dr. Melo Alves, 74, Jardins). Valores: Com nome na lista: R$ 10 de entrada. Para incluir o nome na lista, confirmar presença no evento pelo link:
www.facebook.com/events/1211698105582818/ Sem nome na lista: R$ 25 entrada ou R$ 50 consumação Capacidade da casa: 200 pax

Total 1 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Após estreia apoteótica, festa Se Tem Sol Tem Samba mantém a fórmula"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *