Antonia Morais se apresenta no Festival Multiplicidade

893 0

Da Redação – Do dia 5 a 8 de novembro o Festival Multiplicidade encerra sua 11ª edição com mais de trinta e cinco atrações distribuídas em três espaços diferentes do Rio de Janeiro, em 45h de arte, música e tecnologia. Como parte da programação Antonia Morais se apresentará no Parque Lage, no sábado, dia 07, às 18h, com o show do seu primeiro EP, Milagros, lançado em abril de 2015.

Em 2006, por volta dos seus 14 anos, Antonia Morais descobria um universo em seus dedos. Encontrou em seu computador um programa que permitia tocar vários instrumentos musicais sem tê-los fisicamente, o GarageBand. Sua relação com a música sempre foi intensa, tanto por ser filha de pai cantor e compositor quanto por ter estudado piano por um curto período e sempre ter gostado de cantar, mas com o programa nascia uma nova relação. Agora ela poderia produzir suas próprias músicas, várias delas, e assim o fez.

Viajou o mundo e aos 16 anos foi morar na França, em Paris. Na bagagem trouxe amadurecimento, novas experiências e referências musicais. Experimentou seu lado atriz, no cinema e em novelas, mas aos 21 anos mergulhou definitivamente na música. Descobriu novos programas de produção musical mais elaborados, como o Logic Pro, fuçou, experimentou e manteve o do it yourself em jogo. Em abril de 2015, com sete músicas produzidas, escritas e cantadas por Antonia, em seu próprio quarto, lançou o EP Milagros: https://soundcloud.com/antoniamorais

Milagros, o título, que significa milagres em espanhol, surgiu do encantamento de Antonia quando um dia descobriu que a palavra era usada como nome próprio feminino. De imediato pensou que, caso tivesse uma filha, este seria o nome dela. A filha ainda não chegou, mas o filho, sim, e tem sete faixas.

Todas as composições nasceram num momento da vida em que Antonia buscava o autoconhecimento. Precisava se descobrir como pessoa, como artista, e foi na música que encontrou a possibilidade mais intensa de expressão. Isolou-se em seu quarto e durante um ano passou a maior parte do seu tempo produzindo, compondo, escrevendo, convertendo seus questionamentos mais íntimos em som. Sons e letras que remetem a um universo místico, ao espaço sideral, a lugares e experiências que Antonia nunca viveu, mas sentiu.

Das referências musicais, as mais diversas possíveis, de Aphex Twin à Caetano Veloso, de Marlyn Manson à Daft Punk, de Cazuza a Phoenix. Rótulos não são bem vindos, segundo Antonia. Mas em suas músicas estão presentes elementos de trip hop, dupstep, future r&b, sempre seguindo uma linha experimental e orgânica.

Seus primeiros singles, lançados antes do EP, vieram acompanhados de videoclipes também caseiros, dirigidos por amigos próximos e protagonizados pela própria cantora. “Fuel” e “Child” juntos já alcançam mais de 100 mil visualizações no YouTube. Assista:

Child: https://www.youtube.com/watch?v=MKtrqLNaGBg
Fuel: https://www.youtube.com/watch?v=4apkiPLTaM0
Atualmente Antonia está em turnê de lançamento do EP e em 2016 pretende lançar seu 1º álbum.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Antonia Morais se apresenta no Festival Multiplicidade"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *