Alunos de Ribeirão Pires participam de projeto do Comitê Paralímpico Brasileiro

386 0

Da Redação – O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e a Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires, por meio da Secretaria de Educação, Inclusão, Cultura e Tecnologia, firmaram parceria inédita que vai proporcionar a alunos deficientes a possibilidade de participar do programa “Centro de Formação Esportiva – Esportes Paralímpicos”.

O projeto tem como objetivo promover a iniciação de crianças com deficiência física, visual e intelectual na faixa etária de 10 a 17 anos em oito modalidades paralímpicas. O lançamento do programa irá acontecer nesta segunda-feira, dia 14, a partir das 15h , no Centro de Treinamento Paralímpico, no quilômetro 11,5 da Rodovia dos Imigrantes, em São Paulo com a presença dos alunos, familiares e autoridades.

Em Ribeirão Pires, o CPB disponibilizou 70 vagas para alunos com deficiência treinarem no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. Até o momento, nove estudantes da rede municipal já aceitaram o convite e estão começando a participar dos treinos. Com transporte gratuito e lanche, além de uniforme específico para a prática esportiva, os estudantes recebem acompanhamento especializado, que seleciona os melhores atletas para o aperfeiçoamento de suas aptidões.

Para a secretária de Educação, Inclusão, Cultura e Tecnologia de Ribeirão Pires, Flávia Banwart, ressalta a importância da parceria. “A atividade física é uma ferramenta importante para a melhoria da autoestima. O esporte tem a capacidade de transformar vidas permanentemente”.

A ação terá nove meses de duração. Nesse período, os estudantes participam de treino duas vezes por semana no Centro. Todos os alunos, de acordo com suas deficiências, estão fazendo a experimentação dos esportes paralímpicos oficializados para cada tipo de deficiência. As modalidades são: atletismo, bocha, goalball, judô, natação, tênis de mesa, vôlei sentado e futebol de 5.

O programa é quase em sua totalidade financiado com recursos próprios do Comitê Paralímpico Brasileiro, mas conta com a parceria das prefeituras municipais de Diadema, São Bernardo, Santo André, Ribeirão Pires, Mauá, Rio Grande da Serra, São Paulo, Mairinque e com o Instituto Padre Chico, instituição paulistana especializada em ensino para deficientes visuais.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Alunos de Ribeirão Pires participam de projeto do Comitê Paralímpico Brasileiro"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *