Ação na Praça Matriz enfatiza importância de combater a dengue

685 0

Da Redação – Com o objetivo de conscientizar a população sobre a importância de se engajar na luta contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, equipes do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) da Prefeitura de São Bernardo estiveram na Praça da Matriz, nesta quinta-feira (25), realizando panfletagem e distribuindo squeezes (garrafas plásticas). A ação contou a presença da secretária de Saúde, Odete Gialdi, e do secretário de Serviços Urbanos, Tarcisio Secoli.

Além da distribuição de material informativo, no local havia a maquete de uma casa que mostrava quais são os pontos com maior risco de se acumular água e criar focos do transmissor da doença. Os moradores também puderam conhecer o mosquito Aedes aegypti, que estava exposto.

“Em casa nós tomamos todas as medidas necessárias para evitar acúmulo de água: não deixamos garrafas de boca para cima, tampamos a caixa d’água. Ações como essas deveriam ser diárias. Todos devem ter a mesma precaução”, disse o autônomo Valmisly Conceição, que foi até o local acompanhado do filho.

Quem também cobra precaução em casa é o aposentado Samuel Peereira, morador do Parque das Garças. “Em casa, pego no pé de todo mundo para não deixar espaços que sejam criadouros do mosquito”, destacou.

Em São Bernardo, as ações continuam nos dias 27 e 28, com a concentração dos agentes nas ruas do bairro Chácara Inglesa. Também no dia 28 (sábado), o CCZ aproveita a abertura das 34 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) no Dia D do Novembro Azul para distribuição de panfletos.

No momento, os agentes do CCZ atuam em parceria com a Secretaria de Serviços Urbanos (SU). Quando um terreno que precisa de capinagem ou locais com descarte irregular de lixo são identificados, equipes da SU são notificadas para fazer a limpeza. “A prefeitura está unindo esforços das secretarias para combater o mosquito e precisamos que a população esteja conosco nessa luta. Cerca de 80% dos focos do Aedes aegypti estão dentro das casas. Os moradores devem receber os agentes do CCZ, pois são eles que irão verificar se as ações de combate estão surtindo efeito”, destacou a secretária de Saúde.

Tarcisio lembrou que a população conhece as medidas necessárias para combater o mosquito e que as campanhas servem para reforçar as ações. “Se cada um fizer sua parte podemos eliminar o mosquito. Não basta o poder público fazer sua parte sozinho. É a mesma situação da coleta seletiva. O lixo devidamente separado e colocado no local correto, além de contribuir para o meio ambiente, ajuda a não ser um possível criadouro”, disse.

Ao longo de 2014, a cidade contabilizou 486 casos autóctones (contraídos no próprio município) de dengue. Em 2015, de janeiro a outubro, foram 2.816. Por isso, desde agosto o CCZ percorre os bairros onde houve maior incidência de registros, realizando mutirões que identificam e eliminam criadouros. Os bairros Jardim Independência, Jardim Castelo Branco, Baeta Neves e dos Casa são alguns dos locais percorridos pelas equipes nos últimos meses.

Os moradores pode usar o Disque-dengue (0800- 195565) para informar suspeita de focos do mosquito.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Ação na Praça Matriz enfatiza importância de combater a dengue"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *