Quarteto Fantástico? #SQN…

754 0
Márcio Trevisan

* Márcio Trevisan – As quartas de final do Campeonato Paulista estão definidas e os quatro grandes do Estado dela participarão. Até aí, nada de surpreendente: afinal, a fórmula de disputa é feita para que Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Santos se classifiquem não só a esta etapa do torneio como também às semifinais. E quando isso acontece, já se tem a garantia de dois clássicos na decisão. Ocorre, porém, que desta vez não se pode assegurar que a FPF atingirá este objetivo.

Como vimos, o Timão só garantiu sua vaga para encarar o Bragantino graças a uma gigantesca bobeada do Guarani, desde já postulante mais do que favorito à condição de “maria mijona” do futebol paulista. Para piorar, o time de Tiago Nunes terá pela frente a melhor equipe da Primeira Fase, e este é um fator que pode ser determinante pois, como sabemos, a Fiel não poderá estar presente no Morumbi, quinta-feira próxima, para dar aquela força à equipe. Ao meu ver, a única chance corintiana é fazer valer o peso de sua camisa, pois se for na bola o Braga deverá levar a vaga.

Situação semelhante vive o Peixe. Envolto em sérios problemas financeiros e perdendo jogadores por falta de pagamento de salários, o time do português Jesualdo Ferreira ainda teve a falta de sorte de encarar a Ponte Preta que, mesmo estando bem fraquinha e lutando até a última hora para não ser rebaixada, é o time de mais tradição que havia no seu grupo. A menos que Soteldo e Marinho resolvam desequilibrar, creio que o jogo será duro e, de repente, a decisão poderá se dar nos penais.

O Verdão é outro que precisa ficar muito, mas muito atento. Seu time e seu elenco são superiores aos do Santo André, a equipe jogará em seu gramado sintético e estes são fatores que, indiscutivelmente, o colocam um pouco mais à frente nesta disputa por uma vaga nas semifinais. Porém, valem lembrar dois fatores importantíssimos: o primeiro é que o Ramalhão cumpriu ótima campanha na etapa classificatória e o segundo é que os comandados por Wanderley Luxemburgo precisaram de uma vergonhosa ajuda da arbitragem para vencerem o rebaixado Água Santa.

Sendo assim, o único dos grandes que provavelmente terá vida fácil é o Tricolor. A equipe do ofensivo técnico Fernando Diniz é franca favorita, pois receberá o Mirassol, que perdeu muitos de seus jogadores em meio à pandemia e hoje não é nem mesmo um esboço do time que vinha tendo ótimos resultados antes da paralisação do torneio.

Em síntese: com exceção do time do Morumbi, os outros três outros integrantes do “Quarteto Fantástico” podem até chegar às semifinais, mas terão de ralar muito mais do que, talvez, possam imaginar neste momento. E muito mais do que seus torcedores, quem mais torce para que isso aconteça é a própria Federação Paulista de Futebol.

Márcio Trevisan

* Márcio Trevisan é jornalista esportivo há 30 anos. Começou no extinto jornal A Gazeta Esportiva, onde esteve por 12 anos. Passou, também, pelas assessorias de Imprensa da SE Palmeiras e do SAFESP, além de outros órgãos. Há 13 anos iniciou atividades como Apresentador, Mestre de Cerimônias e Celebrante, tendo mais de 450 eventos em seu currículo. Mantém os sites www.marciotrevisan.com.br e www.senhorpalmeiras.com.br. Contato com o colunista pelo e-mail apresentador@marciotrevisan.com.br

Total 3 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Quarteto Fantástico? #SQN…"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *