Selo Sesc lança o primeiro disco solo do mestre dos pífanos, Sebastião Biano

846 0

Da Redação – Durante as nove décadas de completa intimidade com o pife, Sebastião Biano, o Mestre Biano, o único remanescente da formação original da Banda de Pífanos de Caruaru, se consagrou como um dos maiores representantes da cultura popular brasileira. Ele lança nesta quinta (30), no Sesc Santana, o CD “Sebastião Biano e seu Terno Esquenta Muié”.

O CD é produzido pelo Selo Sesc. Mestre Biano se apresenta pela primeira vez em voo solo. O artista, aos oito anos, venceu o medo e tocou para Lampião. Hoje, aos 96 anos, sua vitalidade, criatividade e paixão pela música o impulsionaram para mais um projeto que colabora com a valorização da identidade brasileira e conta com a valiosa contribuição de músicos contemporâneos. O trabalho traz a zabumbateria do músico Eder “O” Rocha (Mestre Ambrósio), o baixo de Renata Amaral (A Barca), a viola e a rabeca de Filpo Ribeiro (Pé de Mulambo) e o pífano de Júnior Caboclo.

Esculpido pela memória de Sebastião, o repertório deste disco, que tem a participação de Naná Vasconcelos, nas faixas “Alvorada três pancadas” e “Novena”, alia a absoluta simplicidade a uma surpreendente sofisticação que a cultura oral filtra qualitativamente através do tempo. São melodias e ritmos da música urbana, que influenciaram significativamente a formação de gêneros como o samba, o forró e outros.

O diretor regional do Sesc São Paulo, Danilo Santos de Miranda, afirma que, com esse lançamento, o Selo Sesc corrobora seu compromisso de apoiar o registro e a difusão da diversidade de nossa música em todas as suas vertentes. “O Selo Sesc vem construindo um catálogo com obras que estabelecem um diálogo entre o histórico e a inovação, buscando estimular a produção e a difusão de trabalhos relevantes no âmbito cultural.  Este disco de Sebastião Biano é prova disso. Inacreditavelmente, o músico nunca havia gravado um disco solo. Lacuna que, com satisfação, ajudamos a preencher“, afirma Miranda.

O CD “Sebastião Biano e seu Terno Esquenta Muié” custa R$ 20,00 e estará à venda a partir de 30 de julho nas unidades do Sesc e pelo site do Sesc no link http://www.sescsp.org.br/livraria.

Sobre Sebastião Biano – Natural de Mata Grande (AL), Biano aprendeu a tocar pífano aos cinco anos de idade. A banda, formada por seu pai, tios e irmãos recebe o nome que marcaria a tradição musical brasileira. Sebastião Biano é o último remanescente da formação original da Banda de Pífanos de Caruaru.   Em 1972, o grupo grava seu primeiro disco “Banda de Pífano Zabumba Caruaru”. Imediatamente são descobertos por artistas como Caetano Veloso e Gilberto Gil.

Mestre Biano compôs clássicos da música brasileira como “Pipoca Moderna” e “A Briga do cachorro com a Onça”. O grupo recebeu em 2004 o prêmio de Melhor Álbum de Música Regional ou de Raízes Brasileiras na 5ª edição do Grammy Latino. E, em 2005, o Prêmio TIM de Música como melhor grupo na categoria regional.

Serviço – Show de lançamento Sebastião Biano e Seu Terno Esquenta Muié, nesta quinta-feira (30), às 21h, no Sesc Santana (Av. Luiz Dumont Villares, 579). Ingressos: R$ 20,00 (inteira); R$ 10,00 (usuário inscrito no Sesc e dependentes, +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino) R$ 6,00 (comerciários e trabalhadores em empresas do comércio de bens, serviços e turismo). Ingressos à venda a partir de 21/7, às 18h pelo Portal www.sescsp.org.br e a partir de 22/7, às 17h30 nas bilheterias das unidades do Sesc SP. Não é permitida a entrada após o início do espetáculo.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Nenhum comentário on "Selo Sesc lança o primeiro disco solo do mestre dos pífanos, Sebastião Biano"

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *